Páginas

Amigos de Caaporã

SHOPPING LUX MAGAZINE

segunda-feira, 30 de novembro de 2015

Governo do Estado inicia ações alusivas ao Dia Mundial de Combate à Aids


O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Saúde e Hospital Clementino Fraga, iniciou, na manhã deste domingo (29), ações alusivas ao Dia Mundial de Luta contra a Aids, data que é comemorada em 1º de dezembro. Durante toda a manhã, no Largo da Gameleira (Praia de Tambaú), profissionais da SES e da unidade hospitalar ofereceram teste rápido de HIV, sífilis e hepatites, verificação de pressão e glicemia, além de distribuição de material educativo, preservativos, gel lubrificante e orientação à população.
O professor aposentado Edmilson Caetano, 65 anos, levantou cedo para caminhar na orla e aproveitou para fazer seus testes. “Esse tipo de ação é muito importante, pois muitas vezes a gente deixa de ir procurar fazer esses exames, e aqui posso ficar sabendo como está a minha saúde, que é nosso bem mais precioso”, disse.
Para a chefe do Núcleo de DST/Aids da SES, Joanna Angélica Ramalho, o número de soropositivos entre a população jovem vem crescendo, o que torna imprescindível o uso de preservativos nas relações sexuais. “É importante que as pessoas procurem saber sobre sua situação sorológica. A Aids vem aumentando, principalmente entre a população mais jovem, por isso o preservativo deve ser usado em toda relação sexual, sem exceção, pois só assim podemos estar seguros que não estamos colocando nossa saúde em risco”, explicou.
Adriana Teixeira, diretora geral do Hospital Clementino Fraga, ressaltou a importância da prevenção. “Para os soropositivos, o Governo do Estado e o Clementino Fraga estão aí para atender, cuidar e tratar, mas estamos aqui hoje focando na prevenção. Não se pode banalizar a Aids. Claro que houve grandes avanços, mas a doença ainda continua matando, ainda é uma doença sem cura, por isso a prevenção é sempre o melhor remédio”, concluiu.
Mais ações – E as ações em alusão ao Dia Mundial de Combate à Aids continuam nesta terça-feira (1), no Ponto de Cem Réis, com diversos serviços gratuitos, como testes rápidos para o diagnóstico de HIV, sífilis e hepatites B e C, além da distribuição de preservativos, gel e material educativo. As atividades acontecem das 8h às 12h.
Dia 9 de dezembro, será realizada uma palestra para os alunos de enfermagem do turno da noite da Faculdade Unipê, e a partir do dia 10 a SES iniciará uma oficina para firmar a prática do teste rápido para os profissionais de diversos municípios.
Além disso, durante todo o mês de dezembro a SES estará realizando uma campanha de rua, na qual disponibilizou para as 12 Gerências Regionais de Saúde material gráfico (folders e cartazes), preservativos e gel lubrificante, e cada município fará sua ação de prevenção e testagem rápida, com o objetivo do diagnóstico precoce.  Para isso, foram produzidos 200 mil folders e 20 mil cartazes, além de milhões de preservativos masculinos que foram distribuídos junto às GRS, a fim de fortalecer as ações junto aos municípios.
“Nossa meta é conseguir diagnosticar 90% das pessoas que vivem com o HIV e não sabem que tem. Dessa forma, fazemos um apelo a todas as pessoas que já tiveram relações sexuais sem preservativo, que busquem um serviço de saúde mais próximo de sua casa e façam o teste, ele é rápido e com 25 minutos o resultado será disponibilizado. Caso o resultado seja reagente para o HIV/Aids, essa pessoa será encaminhada para um serviço de referência para iniciar o tratamento”, disse a coordenadora estadual de DST/Aids e Hepatites Virais, Ivoneide Lucena. Ela lembrou ainda que na Paraíba o teste rápido para HIV/Aids já foi implantado em 200 municípios, ficando assim em segundo lugar no país em descentralização dos testes rápidos para a Atenção Básica.
Tratamento - Os locais que oferecem o tratamento da Aids no estado são os Serviços de Atendimento Especializado em HIV/Aids (SAEs) de Patos, Santa Rita e Cabedelo, além do Hospital Clementino Fraga e Hospital Universitário Lauro Wanderley, em João Pessoa, e Hospital Universitário Alcides Carneiro, em Campina Grande.
O tratamento para Aids e Hepatites Virais é único em todo o Brasil, de acordo com o Protocolo Clínico e Diretrizes Terapêuticas para Manejo da Infecção pelo HIV em Crianças e Adolescentes – Guia de Consulta Rápida. A disponibilização dos medicamentos antirretrovirais ocorre nas Unidades Dispensadoras de Medicamentos ARVs, localizadas em João Pessoa, Cabedelo, Santa Rita, Campina Grande, Patos, Sousa e Cajazeiras. 
Secom PB 

Casos de câncer no Brasil podem chegar a 1,2 milhões em 2 anos

Quase 600 mil brasileiros desenvolverão novos casos de câncer em 2016, estima o Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (Inca). Para o ano seguinte, a previsão é que esse número se repita, chegando a quase 1,2 milhão de casos em dois anos.
A estimativa para os anos de 2016 e 2017 foi divulgada nesta sexta-feira (27), como parte da campanha do Dia Nacional de Combate ao Câncer. De acordo com o instituto, 300.870 mulheres e 295.200 homens devem apresentar a doença por ano.
O câncer de pele não melanoma deve ser o de maior incidência no país para ambos os sexos, com 175.760 casos previstos por ano, número que corresponde a 29% dos casos estimados.
O segundo câncer mais incidente em mulheres deve ser o de mama, com 57.960 casos em cada ano. Em homens, o de próstata deve vir em seguida, com 61.200 casos.

Foto: Divulgação Internet

As mulheres terão ainda entre os tipos mais incidentes o de cólon e reto, com 17.620, o de colo do útero, com 16.340, e pulmão, com 10.860.
Para os homens, o câncer de pulmão será o terceiro mais incidente, com 17.330 casos, seguido do de cólon e reto, com 16.660, e do de estômago, com 12.920 novos casos estimados para cada ano.
O envelhecimento da população é um dos fatores que contribuem para a incidência da doença no país, assim como a qualidade das informações e da assistência prestada, mas o instituto destaca que o excesso de gordura corporal está relacionado a casos como o de cólon e reto, mama, ovário e próstata. O tabagismo é outro fator relacionado a casos de câncer, como pulmão, laringe e esôfago.
Para o vice-diretor-geral do Inca, Luiz Felipe Ribeiro, a prevenção do câncer deve ser um tema que mobilize não apenas o governo, mas também toda a sociedade: "Esse desafio é da população brasileira como um todo. Cabe a cada cidadão fazer o seu papel para que a gente possa reverter esses quadros.”
Segundo o Inca, não é possível comparar as estimativas para 2016 e 2017 com os anos anteriores por mudanças na metodologia e na base de dados. As informações são usadas para o planejamento de políticas públicas de saúde. O instituto chama a atenção para o fato de que 60% dos casos de câncer no Brasil são diagnosticados em estágio avançado.
Atualmente, o câncer é a segunda maior causa de morte no Brasil, com 190 mil casos por ano, mas o Inca prevê que, em 2020, a doença ocupe a primeira posição.
Terra 

Prefeito de Pitimbu e Ministro Gilberto Kassab assinam ordem de serviço para construção de 200 casas


IMG-20151128-WA0449
O prefeito de Pitimbu Leonardo Barbalho (PSD), ao lado do Ministro das Cidades Gilberto Kassab e do deputado Federal e Presidente do PSD na Paraíba, Rômulo Gouveia, assinaram a ordem de serviço para construção de 200 moradias populares para os pitimbuenses, em uma parceria entre prefeitura de Pitimbu e Ministério das Cidades.
A cerimônia foi realizada neste sábado (28), em audiência realizada na sede da Prefeitura de João Pessoa, às 13h. Além do prefeito de Pitimbu, também esteve presente o prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PSD).
O prefeito Leonardo Barbalho comentou mais uma marcante conquista para a sua administração. “Esta é uma vitória que ficará marcada não apenas na história do município, mas, também, na vida de cada integrante das centenas de famílias que serão beneficiadas. É trabalhando dessa forma, buscando parcerias importantes e realizando projetos inovadores que estamos honrando a confiança que nos foi depositada pela população”, disse.
O sonho de possuir uma casa própria está muito próximo de ser concretizado por centenas de famílias pitimbuenses. A obra já foi totalmente licitada e será iniciada em breve.
 do Portal do Litoral



Corpo de pescador de Caaporã desaparecido é encontrado boiando em rio de Pernambuco

IMG-20151126-WA0819-horz
Lamentavelmente, familiares e amigos do pescador Alexandre Mendes da Silva, 31 anos, tiveram a triste notícia neste sábado (28), que o seu corpo foi encontrado boiando em um rio, já no estado de Pernambuco, em um viveiro abandonado na cidade de Goiana, próximo a praia de Carne de Vaca.
O pescador desapareceu na manhã de quinta-feira (26), quando saiu para trabalhar.
Ele que morava no Conjunto Santo Antônio, em Caaporã, é conhecido como Xandi, estava em sua canoa no Porto de Congaçari com destino a um mangue na região quando desapareceu, após algumas horas, seus pertences e a canoa que ele estava foram encontrados por amigos.
Foram dois dias de angústia e desespero para família que não se conforma com a notícia da morte do jovem. A causa da morte provavelmente foi por afogamento, porém o corpo foi removido pelo Gemol da Paraíba às 13h e encaminhado ao IML para realização de exames cadavéricos, onde será confirmado se a morte foi por afogamento.
Até às 20h deste sábado, o corpo não havia sido liberado. O sepultamento será neste domingo (29), no cemitério de Caaporã.


Portal do Litoral

sexta-feira, 27 de novembro de 2015

Paraíba tem mais de 2 mil acidentes com animais peçonhentos em 2015


Surgimento do escorpião acontece com mais frequência no calor (Foto: Reprodução/TV TEM)
Entre janeiro e setembro de 2015, foram registrados 2.266 acidentes com animais peçonhentos em toda a Paraíba. Os dados são do Sistema de Informação de Agravos de Notificação do Ministério da Saúde, que nos últimos quatro anos, de 2010 até 2014, registrou 16.677 casos no estado. Conforme o levantamento, o escorpião é o responsável pela maioria das estatísticas, cerca de 1.768 casos.
Os acidentes envolvendo serpentes vêm em seguida, respondendo por 246 dos registros. As abelhas foram responsáveis por 66 acidentes. No caso das aranhas, foram 50 acidentes; e mais 13 casos envolvendo lagartas. Os números colocam a Paraíba em sexto lugar no ranking regional nos acidentes envolvendo esses animais. Mesmo assim, as notificações do Ministério da Saúde ficam abaixo da média de atendimentos realizados nos hospitais de referência para esses casos.
A capital João Pessoa encabeça o ranking das cidades paraibanas onde aconteceram mais acidentes envolvendo animais peçonhentos este ano, com 1.450 dos casos. Campina Grande vem em seguida com 279 notificações e Guarabira, no Brejo, com 116 registros, fica em terceiro lugar. Santa Rita, Alhandra e Monteiro apresentaram acima de 40 casos cada. Além dessas, pelo menos 27 municípios tiveram ocorrência de acidentes por animais peçonhentos em 2015, segundo informações do Ministério da Saúde, e as mulheres foram as que mais sofreram acidentes desse tipo, 1.313 registros contra 955 envolvendo homens.
Segundo informações do Hospital de Emergência e Trauma Dom Luiz Gonzaga Fernandes, em Campina Grande, 1.024 atendimentos a pacientes picados por escorpiões foram realizados do início do ano até o mês de outubro na unidade, uma média de 102 atendimentos mensais. Já no caso das serpentes, foram 158 atendimentos, uma média mensal de 15 registros. No Hospital de Emergência e Trauma, na capital, a média é de 160 atendimentos mensais por picada de escorpião, 15 de serpente e seis de aranhas, conforme o Centro de Assistência Toxicológica (Ceatox).
A gerente de Vigilância Ambiental e Zoonoses de Campina Grande, Rossandra Oliveira, explicou o período de maior incidência dos animais peçonhentos, na primavera e no verão, está ligado aos hábitos de vida dos bichos. O risco é maior, conforme o farmacêutico e coordenador adjunto do Ceatox em João Pessoa, Luís Carlos Costa, no caso de crianças e idosos, já que as toxinas liberadas na corrente sanguínea, através de contato com esses bichos, podem levar à morte.
Para evitar acidentes com animais peçonhentos, o coordenador orienta que as pessoas redobrem a atenção. “É importante examinar calçados e roupas pessoais, de cama e banho, antes de usá-las. Assim como vedar frestas e buracos em paredes, janelas e ralos. Além de conservar a limpeza dos locais em que vive, pois esses animais saem à procura de alimentos, como ratos e baratas, e o lixo doméstico é um ambiente propício para eles”, concluiu.
Com G1

Homicídios são registrados em Caaporã e Conde e corpo é encontrado boiando em rio de Acaú

do P
IMG-20151126-WA0354
Dois homicídios foram registrados no litoral sul da Paraíba, nesta quinta-feira (26) o primeiro foi no município de Caaporã, onde um corpo de um homem foi encontrado pela em uma mata da região com as mãos amarradas e marcas de tiros.
E um homicídio aconteceu no município do Conde. O corpo de um homem foi encontrado com marcas de tiros de escopeta 12 em uma rua da comunidade Pousada do Conde. O Centro Integrado de Operações Policiais (Ciop) recebeu o chamado por volta das 7h10.
Não houve prisão ou apreensão de nenhum suspeito de envolvimento no crime. Até as 11h, a perícia ainda não havia sido feita e o corpo continuava no local. 
Em Pitimbu, o cadáver de outro homem conhecido como “Buxinho” foi encontrado boiando em um rio de Acaú. O Corpo de Bombeiros foi acionado, mas a causa da morte – tendo sido assassinato ou não -, ainda não foi divulgada.
IMG-20151126-WA0351
Pitimbu em Acaú
IMG-20151126-WA0416
Na Pousada do Conde
IMG-20151126-WA0305

Em Caaporã 
Do Portal do Litoral

Jovem sai para pescar e desaparece no Porto de Congaçari em Caaporã; Família e amigos estão desesperados

IMG-20151126-WA0819
Minstério!
Familiares e amigos do pescador Alexandre Mendes da Silva, 31 anos, estão desesperados com o desaparecimento do jovem na manhã desta quinta-feira (26), quando saiu para trabalhar.
Ele que mora no Conjunto Santo Antônio, em Caaporã, é conhecido como Xandi e estava em sua canoa no Porto de Congaçari com destino a um mangue na região quando desapareceu, após algumas horas, seus pertences e a canoa que ele estava foram encontrados por amigos.
Os familiares estão todos preocupados qualquer informação que leve ao paradeiro de Alexandre deve ser informado ao 190.
IMG-20151126-WA0648

Portal do Litoral 

quarta-feira, 25 de novembro de 2015

Contador é baleado e morre na frente de casa lotérica em Sapé, na Paraíba

Crime aconteceu no final da manhã desta quarta-feira (25).
Segundo Polícia, vítima tentou fugir de homens em atitude suspeita.


Um contador de 62 anos foi assassinado ao ser atingido por disparos de arma de fogo no final da manhã desta quarta-feira (25), na cidade de Sapé, na Zona da Mata da Paraíba. De acordo com a Polícia Civil da cidade, ele foi atingido nas costas, após reagir a uma tentativa de assalto no momento em que entrava em uma casa lotérica.
Segundo a polícia, o contador tentou correr ao perceber a aproximação de dois homens em uma motocicleta, com atitude suspeita. Os homens pediram que ele parasse, mas a vítima não obedeceu e, em seguida, foi baleada.
Até as 14h (horário local), a polícia não soube precisar quantos tiros atingiram o contador, apenas que ele morreu ainda no local. Até o mesmo horário ninguém tinha sido preso e a Polícia Militar realizava diligências em busca dos suspeitos.
O delegado Manoel Neto, da Delegacia de Sapé, ouviu familiares do contador na tarde desta quarta. A Polícia Civil deve pedir as imagens das câmeras de segurança da lotérica para a sequência das investigações.
do G1

Paraíba tem 54 cidades em situação de risco de surto de dengue, diz MS

DO G1

Número corresponde a 35,5% das cidades nordestinas em situação de risco.
Um total de 199 municípios do Brasil estão com risco de surto de dengue.


Pelo menos 54 cidades da Paraíba estão em situação de risco de surto de dengue. Foi o que apontou o Levantamento Rápido de Índices para Aedes aegypti (Liraa), divulgado pelo Ministro da Saúde, Marcelo Castro, na terça-feira (24). O número corresponde a 35,5% dos 152 municípios do Nordeste em situação de risco e a 27,1% do total de 199 cidades brasileiras nesta condição.
Brejo dos Santos é o município paraibano com maior risco de infestação, apresentando larvas do mosquito transmissor em 21,7% dos prédios vistoriados. A lista com as cinco cidades da Paraíba com pior Índice de Infestação Predial (IIP) é completada pelas cidades de Serra Branca (13,7%), Brejo do Cruz (13,5%), Livramento (13%) e Alagoa Nova (11,3%). (Confira abaixo a lista com todas as cidades em condição de risco)
As duas maiores cidades da Paraíba, João Pessoa e Campina Grande também figuram na lista, mas em condições opostas. João Pessoa faz parte da lista das capitais em situação considerada satisfatória, com apenas 0,3% dos prédios investigados com presença das larvas do Aedes aegypti. Campina Grande, por sua vez, integra a lista de cidades paraibanas em condição de risco, com um percentual de 6%.
Ainda conforme dados divulgados pelo Liraa, a Paraíba possui outros 107 municípios em situação de alerta e outros 55 em condição satisfatória. Integraram o estudo do Ministério da Saúde 216 dos 223 municípios paraibanos, conforme a lista completa com 1.792  municípios brasileiros, divulgada pelo MS na internet.
Realizado em outubro e novembro, o LIRAa teve adesão recorde para este período do ano, com 1.792 cidades participantes, aumento de 22,4% se comparado ao número de municípios em 2014. A pesquisa é um instrumento fundamental para o controle do Aedes aegypti. Com base nas informações coletadas, o gestor pode identificar os bairros onde estão concentrados os focos de reprodução do mosquito, bem como o tipo de depósito onde as larvas foram encontradas.
Casos registrado de dengue na Paraíba
O Liraa ainda informou os casos notificados de dengue na Paraíba nos primeiros 10 meses de 2015. Foram 19.381 casos somente neste período, ocasionando uma média de 502,8 casos para grupos de cada de 100 mil habitantes. No mesmo período em 2014, o Ministério da Saúde havia registrado 5.353 casos, uma média de 135,7 casos a cada 100 mil habitantes.

Lista de cidades paraibanas em condição de risco de surto de dengue, segundo MS
Cidades em risco de surto de dengueÍndice de Infestação Predial (IIP) em %
Água Branca11
Alagoa Grande6,4
Alagoa Nova11,3
Arara5,1
Aroeiras6,7
Belém de Brejo do Cruz4
Bernadino Batista7,3
Bonito de Santa Fé4,7
Brejo do Cruz13,5
Brejo dos Santos21,7
Cacimba de Dentro4,1
Cajazeiras9,5
Campina Grande6
Caraúbas6,8
Catolé do Rocha7,9
Cuité6
Desterro5,8
Fagundes9,9
Frei Martinho5,3
Imaculada5,3
Ingá5,3
Itabaiana5,8
Itatuba5,8
Juarez Távora5
Juripiranga5,9
Juru5,2
Lagoa Seca5,8
Livramento13
Malta5,7
Massaranduba4,6
Mato Grosso6,1
Maturéia4,6
Mogeiro4,4
Mulungu4,3
Ouro Velho9,1
Pedra Lavrada5
Picuí6,8
Pilar5
Pirpirituba5,1
Pocinhos4,5
Prata5,9
Princesa Isabel5,4
Puxinanã6,7
Riacho dos Cavalos6,5
Santa Teresinha4,6
São Bento8,6
São João do Tigre5,1
São João do Rio do Peixe5,5
São José dos Ramos5
Seridó4,4
Serra Branca13,7
Solânea8
Sousa5,4
Teixeira7,1

VISITANTES

busca no blog