Páginas

Amigos de Caaporã

SHOPPING LUX MAGAZINE

quinta-feira, 15 de maio de 2014

Alhandra participa de Seminário que debateu o combate à exploração sexual infantil


O prefeito de Alhandra, Marcelo Rodrigues, a Secretaria de Bem Estar Social, Nadjane Almeida, e servidores das secretarias da administração municipal, participaram, nesta quinta-feira (15), do Seminário Exploração Sexual de crianças, adolescentes e jovens: Faça um gol contra. O evento, realizado pela ONG Casa Pequeno Davi, teve como tema a “Região metropolitana de João Pessoa combatendo a exploração sexual no contexto dos mega eventos”. Durante todo o dia, foram apresentados e discutido ações estratégicas de combate à exploração sexual infantil no âmbito das cidades.
O encontro, que começou às 9h da manhã, contou com a participação de diversas autoridades do Sistema de Garantia de Direitos da Criança e do Adolescente, entre eles Ministério Público, Vara da Infância, Secretaria de Desenvolvimento Humano do Estado, Secretaria de Desenvolvimento Social de João Pessoa, etc.  O evento contou também com a participação dos representantes dos oito municípios, entre eles, Alhandra, contemplados com o projeto de enfrentamento à violência e exploração sexual infantil desenvolvido pela Casa Pequeno Davi, patrocinado pela empresa petrolífera, Petrobras.
O prefeito, Marcelo Rodrigues, foi convidado a compor a mesa de abertura da solenidade, que contou com autoridades dos órgãos ligados ao combate da exploração sexual infantil. Na ocasião, Marcelo agradeceu a participação do município no projeto da ONG e falou da importância das ações na área de exploração sexual no município. “Estamos aqui para conhecermos melhor a realidade de cada município e assim, trabalharmos para desenvolver políticas públicas na cidade que vão alertar a população quanto aos riscos de exploração sexual, combatendo e tirando nossos jovens do estado de vulnerabilidade social”, disse o prefeito.
Ao longo do evento foram abordados os seguintes temas: O fenômeno da exploração sexual: Panorama no Brasil e na Paraíba; Tipificação, causas e consequências da exploração sexual; Fluxo de atendimento do trabalho intersetorial em rede no combate à exploração sexual; e por fim, foram discutidas estratégias para o enfrentamento a exploração sexual de crianças e adolescentes.
Segundo dados do Governo Federal, apresentados no evento, durante a copa do mundo estima-se a vinda de 600 mil turistas para o Brasil, o que corresponde a 10% do total que o país recebe em um ano. Em um levantamento da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República, de janeiro a setembro de 2010 foram registradas 698 denuncias de exploração sexual infantil, nas 12 cidades sede da Copa.
A coordenadora do projeto de enfretamento à violência sexual infantil, Valéria Simões, explicou que as ações serão desenvolvidas em oito municípios que são mais propícios ao aumento de casos de exploração sexual e que estão ligadas aos estados vizinhos, que são sedes da Copa do Mundo, e que por isso merecem uma atenção especial. “A cidade de João Pessoa, apesar de não ser sede dos jogos da Copa do Mundo de Futebol, é uma cidade que vai servir de apoio turístico e a tendência que é os casos de exploração aumentem nesse período”, disse a coordenadora.
O projeto terá duração de dois anos e nesse período, desenvolverá diversas atividades nas escolas do município, em parceria com os órgãos que fazem parte do Sistema de Garantia de Direitos da Criança e do Adolescente. Serão desenvolvidas oficinas e ações profissionalizantes para a inserção dos jovens ao mercado de trabalho. Para a secretária de Bem Estar Social de Alhandra, Nadjane Almeida, essas ações vem acrescentar as demais atividades já desenvolvidas no município. “Realizamos um trabalho intenso para proporcionar aos jovens de Alhandra, oportunidades de crescimento pessoal e social, e esse trabalho em conjunto com o projeto desenvolvido pela Casa Pequeno Davi, vai fortalecer, ainda mais, o trabalho do município no combate a exploração sexual infantil”, falou Nadjane.

Secretaria de Comunicação de Alhandra

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários sobre as publicações nesse blog passarão pelo moderador e só publicaremos comentários de pessoas que estiverem devidamente identificadas e que não denigram a imagem de outrem.

VISITANTES

busca no blog