Páginas

Amigos de Caaporã

SHOPPING LUX MAGAZINE

sexta-feira, 28 de março de 2014

Em nota, copiloto da Avianca reconhece erro e pede desculpa por ataques aos paraibanos

Ele teria usado o Facebook para chamar os paraibanos de 'porcos'; Avianca repudia, mas não fala em punição. Caso ganhou repercussão nas redes sociais


Reprodução/ Facebook/ Emerson Machado
Piloto posta no Facebook mensagens contra nordestinos
O copiloto da Avianca, Eduardo Pfiffer, enviou nota à redação do Portal Correio na noite desta quinta-feira (27), na qual se desculpa pelos termos utilizados contra os nordestinos após, segundo ele, ser mal atendido em um restaurante de João Pessoa. “Ontem (26) fiz um comentário infeliz, num momento de raiva e insatisfação de atendimento do restaurante onde estava”, afirma.

Ele garante que não tem nenhum tipo de preconceito contra qualquer pessoa da região. “Quero esclarecer que não tenho nada contra as pessoas do Nordeste, lugar que com frequência fui feliz em escolher para passar os momentos em que não estava trabalhando. Conheci lugares e pessoas incríveis, fiz amizades que perduram até hoje, sendo prova disso, minha namorada, que conheci em Recife”, observa.

Eduardo reconhece que exagerou nos comentários postados no Facebook. “Ontem (quarta, 26), após um dia que já começou errado resolvendo um monte de questões pessoais, estava faminto e com o horário já apertado para sair para trabalhar e depois de um terrível atendimento que me deixou por mais de uma hora esperando um prato simples, e quando trouxe à mesa, era a refeição errada”, conta. “Atenderam-me de forma mal educada, displicente e até mesmo desrespeitosa naquele lugar”.

O copiloto diz ter ciência do erro cometido. “Meu erro foi ter exposto toda a minha insatisfação da maneira errada, usando palavras e expressões incorretas, onde eu não soube expressar o que realmente senti naquele momento. Sei que o certo seria ter paciência, e no máximo, reclamado com o gerente”.

Por fim, ele se desculpa, na nota encaminhada ao Portal Correio. “Peço desculpas a quem se sentiu ofendido com minha publicação. Não sou e nunca tive preconceito de qualquer tipo principalmente com pessoas nordestinas, dos quais muitos são meus amigos”, arremata.

O caso ganhou repercussão nas redes sociais na tarde desta quinta-feira (27). A empresa Avianca emitiu nota de repúdio contra a atitude do funcionário que teria chamado os nordestinos de porcos em mensagens postadas no Facebook. Apesar disso, a corporação não informou se ele terá algum tipo de punição.

O piloto Eduardo Pfiffer teria postado ofensas genéricas ao povo nordestino, após supostamente ter sido mal atendido em um restaurante de João Pessoa. As postagens geraram polêmica e mensagens contra o preconceito e a favor do respeito ao povo do Nordeste. Internautas comentaram com críticas e repercutiram o assunto através de compartilhamentos na rede social

A repercussão das mensagens preconceituosas fez com que o autor das ofensas contra os nordestinos retirasse o perfil pessoal do ar poucas horas depois do texto postado.

No entanto, a indignação gerada nas redes sociais fez com que a mensagem continuasse circulando na internet. Muitos internautas copiaram a página ofensiva e compartilharam, divulgando a atitude que provocara indignação em que tomava conhecimento do episódio xenofóbico.
Mensagens preconceituosas foram criticadas
Foto: Mensagens preconceituosas foram criticadas
Créditos: Reprodução/ Facebook
Direitos Humanos
A Comissão de Direitos Humanos da Ordem dos Advogados do Brasil, na Paraíba, OAB-PB, recebeu na manhã desta quinta (27) comunicado sobre a atitude do piloto Eduardo Pfiffer.
Além da OAB, a atitude preconceituosa foi comunicada também à Câmara Municipal de João Pessoa, que apresentará na próxima terça-feira (1º) pedido de voto de repúdio contra as mensagens do piloto paulista, encaminhado pelo vereador Helton Renê (PP).
Na opinião do vereador Helton Renê, que também é autor da denúncia encaminhada à OAB-PB, o piloto teria todo o direito como consumidor de reclamar da má prestação de serviço, mas deveria respeitar o povo nordestino.
“Até porque casos de mau atendimento podem acontecer em qualquer lugar", acrescentou. O parlamentar adiantou que também entrará com representação na Justiça contra o ato de Eduardo Pfiffer.
A Avianca enviou uma nota ao Portal Correio, na qual diz que a empresa despreza qualquer ato contrário à ética e defende a igualdade dos povos.
Leia a seguir, na íntegra, a nota enviada ao Portal Correio pela Avianca.
A AVIANCA vem a público declarar que repudia veementemente o comentário atribuído a um funcionário seu, veiculado nas redes sociais, de cunho preconceituoso.
Qualquer ato contrário à ética é desprezado pela AVIANCA.
A AVIANCA reforça seu respeito e admiração por todos os povos, independentemente de sua origem.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários sobre as publicações nesse blog passarão pelo moderador e só publicaremos comentários de pessoas que estiverem devidamente identificadas e que não denigram a imagem de outrem.

VISITANTES

busca no blog