Páginas

Amigos de Caaporã

SHOPPING LUX MAGAZINE

sexta-feira, 22 de novembro de 2013

Vereador diz que renúncia de Luceninha foi um 'ato covarde' de uma pessoa incompetente

Assessoria
Vereador diz que renúncia de Luceninha foi um 'ato covarde' de uma pessoa incompetente
A renúncia de José Maria de Lucena Filho, o Luceninha (PMDB), ao mandato de prefeito de Cabedelo, não foi 'digerida' pela população e pela classe política da cidade.

O vereador Pereira (PSB) acredita que  a decisão do peemedebista foi um  reconhecimento da incompetência dele para comandar os destinos da cidade portuária. Segundo o parlamentar, as justificativas apresentadas por Luceninha na carta-renúncia não convenceram. "Ele foi vereador por cinco vezes, presidiu a Câmara por duas vezes. Luceninha conhece Cabedelo e não vamos aceitar essas desculpas de goela abaixo", declarou.

Pereira disse também que o ex-prefeito traiu a confiança de mais de 78% do eleitorado da cidade que depositou nele a certeza de dias melhores. "A população passou vinte anos tentando acertar. A maioria esmagadora depositou em Luceninha um voto de confiança, e agora, ele simplesmente vira as costas para o povo", lamentou.

O socialista lembrou que além do apoio da população, Luceninha tinha praticamente 100% da bancada na sua base de sustentação na Câmara Municipal, afastando a possibilidade de um pedido de renúncia por falta  de sintonia política. "Só dois obstáculos admitiriam a renúncia: a falta de recursos e a falta de apoio político, o ex-prefeito não tinha nenhum desses problemas. O que faltou mesmo foi capacidade para administrar. O que ele fez foi um ato covarde", finalizou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários sobre as publicações nesse blog passarão pelo moderador e só publicaremos comentários de pessoas que estiverem devidamente identificadas e que não denigram a imagem de outrem.

VISITANTES

busca no blog