Páginas

Amigos de Caaporã

SHOPPING LUX MAGAZINE

quinta-feira, 21 de novembro de 2013

Anísio insinua ‘negociata’ na renúncia de Luceninha; 'Saída pode ter a ver com Shopping de Cabedelo'

O deputado estadual Anísio Maia (PT) insinuou nesta quinta-feira (21) que pode ter havido algum tipo de negociata na renúncia de Luceninha (PMDB) em Cabedelo. “Eu já manifestei antes a minha opinião sobre a eleição de Cabedelo. Candidato sem proposta, sem projeto, eleito baseado em promessa, promessa e promessa. O resultado é isso aí. Já era até talvez presumível”.

Para o petista, que em 2012 tentou ser o candidato do PT no município sem sucesso – o partido resolveu apoiar o peemedebista, é possível que a decisão tenha relação com a construção do Shopping de Cabedelo.

Anísio informou que ontem, na Câmara Municipal de Cabedelo, estava o dono do Manaíra Shopping, Roberto Santiago, e que logo após a posse do vice-prefeito Wellington Viana (PTN), o Leto, os dois saíram para comemorar. Acreditando ver algum tipo de acordo ou complô, Maia aponta:

“O que ocorre aí? Não temos provas do que pode ter acontecido. Suspeito de um estelionato eleitoral, uma grande negociata. Agora vamos aguardar o destino do projeto do Shopping Center de Cabedelo, dependendo do andamento do Shopping de Cabedelo vamos saber se foi ou não um estelionato eleitoral”, frisa.
O Shopping pertencente ao grupo Marquize, que será construído em Cabedelo, promete ser uma concorrência de peso ao Shopping Manaíra e foi alvo de pressão de Roberto Santiago junto aos vereadores da cidade, para que ele não fosse instalado.

Sem arrependimento - Questionado se ele se arrepende de não ter se candidatado a prefeito em 2012, Anísio minimizou. “Eu não me arrependo de não ter disputado, porque não tive condições de disputar. Eu fui à luta, tentei. Tentei até convencer meus colegas do partido que embarcaram nesse estelionato eleitoral e agora aí está o resultado”, argumentou.

Culpa do povo – Sobre quem seria culpado da má sorte dos cabedelenses na escolha dos últimos prefeitos, Anísio é taxativo: “A culpa na verdade é do povo de Cabedelo. É o povo que vota, elege, tira. Então o povo de Cabedelo ainda precisa aprimorar a sua forma de escolher os seus candidatos. Falta cidadania em Cabedelo”, finalizou.

Paulo Dantas/Fernando Braz

www.paraiba.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários sobre as publicações nesse blog passarão pelo moderador e só publicaremos comentários de pessoas que estiverem devidamente identificadas e que não denigram a imagem de outrem.

VISITANTES

busca no blog