Páginas

Amigos de Caaporã

SHOPPING LUX MAGAZINE

segunda-feira, 18 de março de 2013

Prefeitura de Alhandra vai apoiar Fazenda da Esperança para poder dar melhor assistência aos dependentes químicos do município

O prefeito de Alhandra, Marcelo Rodrigues (PMDB, acompanhado do vice-prefeito Cal Lucena e secretários, realizou na manhã deste sábado (16), uma visita as dependências da Fazenda da Esperança Pe Ibiapina, localizada em Mata Redonda, zona rural de Alhandra. Na ocasião, o chefe do executivo da cidade anunciou que pretende firmar uma parceria para fortalecer o trabalho da instituição.
“A Prefeitura de Alhandra não vai fechar os olhos para um trabalho tão importante. Não vamos descriminar valores para a parceria, vamos estudar de que forma legal podemos concretizar essa ação, mas digo a vocês que o poder público municipal de Alhandra, a partir de agora assume, de maneira mais efetiva, o compromisso com a saúde dos jovens dependentes do nosso município”, disse o prefeito que, na ocasião, parabenizou todo o trabalho da equipe de voluntários que estavam presentes.
A Fazenda da Esperança Pe. Ibiapina, fundada em 2006 na Paraíba, funciona com o apoio da Arquidiocese e atende jovens, do sexo masculino, envolvidos com álcool, drogas e outras dependências. A visita desta manhã foi uma iniciativa da prefeitura, provocada pela Secretaria de Ação Social, que buscou conhecer o trabalho realizado pela Fazenda da Esperança na região para firmar parceria para o tratamento de dependentes químicos de Alhandra. Na ocasião, a comitiva municipal assistiu a uma palestra proferida pelo diretor da Fazenda, Francisco Moraes Junior, onde foi exibido um vídeo que contou a história da Fazenda no Brasil e no mundo. O vídeo mostrou relatos de ex-dependentes químicos que hoje estão voltando a ter uma vida social em família e entrando no mercado de trabalho, através da aprendizagem nas áreas de agricultura, apicultura, artesanato e produção de material de limpeza.
A Fazenda da Esperança Pe. Ibiapina possui capacidade para 32 pessoas e atualmente, 26 jovens fazem parte do processo de desintoxicação oferecido pela instituição. São homens de várias idades que chegaram até o local por vontade própria para encontrar um apoio para se livrar da dependência. Durante a palestra, os jovens falaram das suas experiências com as drogas e como chegaram a pedir ajuda na instituição, que hoje possui mais 80 fazendas espalhadas pelo mundo, onde faz um trabalho de recuperação há mais de 25 anos.
O processo de recuperação nas fazendas acontece baseado em três pilares: Espiritualidade: a palavra de Deus é estudada sem ligação com religiões; Trabalho: os jovens desenvolvendo o dom de produzir seu auto-sustento e Convivência: onde se aprende a adaptar-se e respeitar o próximo. “A gente acredita que o que recupera é o amor. Não somos uma clínica, um hospital ou um presídio, onde as pessoas vão ou ficam obrigadas por um familiar ou uma autoridade. Aqui na Fazenda, cada um sabe a importância que tem para a vida e a dá valor a isso”, falou Francisco Moraes Júnior, que há 15 aos faz um trabalho voluntário na instituição. “Aqui quem chega, fica”, disse o presidente, ressaltando a importância dos voluntários, que na sua maioria são ex-dependentes e voluntários da Fazenda.
O prefeito e secretários foram convidados a conhecer a produção de gêneros alimentícios através da agricultura, os produtos artesanais e a produção de doce. A  visita foi finalizada na Fazenda da Esperança de Nossa Senhora da Guia, unidade feminina, fundada em 2012 e que hoje possui uma capacidade para 16 jovens que buscam o tratamento da dependência das drogas.




Secom

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários sobre as publicações nesse blog passarão pelo moderador e só publicaremos comentários de pessoas que estiverem devidamente identificadas e que não denigram a imagem de outrem.

VISITANTES

busca no blog