Páginas

Amigos de Caaporã

SHOPPING LUX MAGAZINE

segunda-feira, 25 de fevereiro de 2013

Fim de semana sangrento registra 11 homicídios com facadas, tiros e achado macabro


O fim de semana na região metropolitana de João Pessoa foi alvo de um verdadeiro massacre. 11 vítimas feitas na base de facadas com vísceras expostas, corpos sendo alvejados com sete tiros e até o achado macabro de uma ossada. Veja abaixo.

Os dois primeiros homicídios aconteceram na sexta-feira, 22. Lenilson Domiciano Batista, vulgo Lilico, foi assassinado com cinco tiros. O crime aconteceu na comunidade Nova Trindade, no Jardim Veneza, próximo aos Bombeiros. Desse mesmo tiroteio saiu ferido Everton Silva Victor da Rocha, que foi levado ao Hospital de Trauma.

Ainda na sexta feira, Jonas Wilames Ferreira da Silva, de 22 anos, estava pilotando uma moto e foi alvejado com quatro tiros. Morreu no local.

Na madrugada de sábado, 23, houve um homicídio em Caaporã.

Já na manhã de sábado houve um homicídio na avenida dos Tabajaras, no Centro de João Pessoa. O crime aconteceu do lado do Hiper Bompreço e a vítima, com identidade ignorada, foi morto a facada. Teve o abdômen perfurado e as vísceras expostas.

À noite houve dois homicídios, ambos no bairro Colinas do Sul. Próximo a caixa d’água, Jeferson Bruno Silva Diniz, de 21 anos, foi alvejado com um tiro. Conhecido como Bruninho, Jeferson estava residindo lá, mas a sua ‘área de atuação’ seria o Bairro de Novais. Cerca de 10 minutos depois esse fato, foi morto Ricardo Arruda dos Santos, de 23 anos com sete tiros. Neste segundo caso, Paulo Alécio Bezerra foi alvejado com um tiro e socorrido para o Trauma. A distância de crime para o outro era de quinhentos metros.

Na madrugada de domingo, por volta das 2h24, em uma danceteria em Odilândia, Distritio de Santa Rita, três pessoas foram feridas a faca (dois eram adolescentes) e uma pessoa foi morta, também com vísceras expostas. Todos socorridos para o Trauma. A quarta pessoa morreu.

Ainda no domingo, por volta das 14h, houve um homicídio no Renascer I, no Distrito Mecânico. Audrin Cesar Franca Souza Filho, de 22 anos foi morto com dois tiros e oito facadas.

Às 17h horas uma ossada humana foi encontrada entre as cidades de Alhandra e Pedras de Fogo, em um sítio. No local foi encontrado apenas uma ossada, uma camisa azul e um par de sandálias.

À noite, foram registrados dois homicídios. O primeiro no bairro Cidade Verde. Um adolescente de 13 anos foi alvejado com cinco tiros, morreu quando foi deslocado para o Hospital de Trauma. O crime aconteceu na Rua Inslandia, na segunda etapa do bairro Cidade Verde II.

O outro homicídio aconteceu por volta das 23hs de domingo, no vale do Timbó, no bairro dos Bancários, na travessa São Pedro. Um casal foi alvejado, o homem morreu na hora com seis tiros. A companheira foi para o Trauma, com tiro na coxa esquerda. Ela com 27 e ele com 26 anos.

Paulo Dantas/Vinícius Henriques

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários sobre as publicações nesse blog passarão pelo moderador e só publicaremos comentários de pessoas que estiverem devidamente identificadas e que não denigram a imagem de outrem.

VISITANTES

busca no blog