Páginas

Amigos de Caaporã

SHOPPING LUX MAGAZINE

segunda-feira, 4 de fevereiro de 2013

Estudante paraibano é encontrado morto durante festa rave em PE

A faculdade que ele estudava, Facisa, suspendeu as aulas nesta segunda-feira (4)

 Por Redação, com Márcio Rangel da TV Correio
A morte de um estudante, na madrugada deste domingo (03), no bairro Barra de Jangada (Litoral de Pernambuco), no município de Jaboatão dos Guararapes, região metropolitana do Recife ainda segue indefinida pela polícia. Hector Igor Souza Lopez, de 20 anos, teve o corpo encontrado a poucos metros da festa rave em que participava, estilo bastante conhecido entre os jovens, pela predominância de música eletrônica e sua longa duração.
Jovem morreu em Pernambuco durante festa raveFoto: Jovem morreu em Pernambuco durante festa rave
Créditos: Márcio Rangel
Segundo informações, o jovem, que cursava direito em uma instituição de Campina Grande, na Paraíba, teria sido visto por populares apresentando comportamento alucinógeno, esbravejando e dando socos no ar. Além disso, testemunhas disseram ter visto a vítima apanhando de desconhecidos antes de morrer.
De acordo com a Polícia Civil, duas possibilidades devem ser trabalhadas, sendo elas espancamento ou também overdose, pelo fato de ter sido encontrado, entre os seus documentos, um tablete de uma suposta droga sintética (LSD).
Ainda conforme os técnicos do Instituto de Criminalística (IC), que estiveram no local, o corpo do estudante apresentava algumas escoriações, inclusive, na cabeça. Nas mãos existiam marcas que podem ter sido provocadas por uma amarração.
A causa do óbito do jovem só poderá ser afirmada após os exames feitos, no corpo, no Instituto de Medicina Legal (IML) do Recife. Para a polícia, ainda será necessário avaliar um suposto crime de omissão de socorro, pelo tempo em que a vítima permaneceu sem receber atendimento e a falta desta iniciativa por parte dos organizadores do evento.
O corpo de Hector Igor  foi recolhido e o caso ficará a cargo, inicialmente, do Departamento de Homicídios e de Proteção à Pessoa (DHPP).
Por causa da tragédia, as aulas do Curso de Direito da Facisa foram suspensas nesta segunda-feira (04).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários sobre as publicações nesse blog passarão pelo moderador e só publicaremos comentários de pessoas que estiverem devidamente identificadas e que não denigram a imagem de outrem.

VISITANTES

busca no blog