Páginas

Amigos de Caaporã

SHOPPING LUX MAGAZINE

sexta-feira, 30 de setembro de 2011

Definido: Rosanne Mulholland será a professora Helena de "Carrossel"

Divulgação
Depois de uma bateria de testes, finalmente o SBT definiu quem viverá a protagonista da versão brasileira de "Carrossel". Caberá à atriz Rosanne Mulholland interpretar o papel da doce preofessorinha Helena.

Segundo comunicado da emissora enviado à imprensa, a autora Iris Abravanel, o diretor Del Rangel e a diretora de elenco Tina P. Couto se reuniram na tarde desta sexta (30) e chegaram à decisão.

Várias atrizes chegaram a ser cotadas para o papel, como Nathália Rodrigues, Juliana Boller, Mara Maravilha, Karina Bacchi, Maria Pinna, Thaís Pacholek, Maria Fernanda Cândido, Camila Morgado, Samara Felippo e Lívia Andrade. Nem todas realizaram testes, porém Lívia sim. Ela era uma das preferidas, principalmente por Silvio Santos.

Recentemente, a atriz fez uma redução de seios, o que levantou a suspeita de que ela seria a Helena brasileira. Na ocasião, Lívia negou e disse que fez a cirurgia por questões de saúde, já que estavam grandes demais.

Escolhida para interpretar a personagem principal de "Carrossel", Rosanne Mulholland têm vários trabalhos na TV e no cinema.

Na Globo, ela fez participações nas produções "JK" (2006), "Sete Pecados" (2007), Tudo Novo de Novo" (2009), "A Grande Família" (2009) e "Separação" (2010). A atriz também trabalhou na Band, na novela "Água na Boca", de 2008, e no programa "A Liga",  onde se destacou.

Já no cinema ela participou de filmes como "Nosso Lar, O Filme", "Meu Mundo em Perigo" e "O Magnata".

Crianças

Antes de escolher a protagonista da novela, o SBT já havia definido todo o elenco infantil. Destaque para Maisa Silva, que terá um papel fixo na história, e por isso deixará o comando dos programas "Bom Dia & Cia" e "Sábado Animado" durante o período.

Confira a relação completa de personagens/atores mirins:

Maria Joaquina – Larissa Manoela
Cirilo – Jean Paulo Campos
Marcelina – Ana V. Zimmermann
Kokimoto – Matheus Ueta
Valéria – Maísa Silva
Jaime – Nicholas Torres
Alícia – Fernanda Concon
Paulo – Lucas Santos
Carmen – Stefany Vaz
Daniel – Thomaz Costa
Bibi – Victória Diniz
Davi – Guilherme Seta
Clementina – Kiane Porfírio
Adriano – Konstantino Atanassopolus
Mário – Gustavo Daneluz
Laura – Aysha Benelli
Jorge – Henrique Filgueiras

As gravações do remake de "Carrossel" devem começar em outubro. Já a estreia está prevista para março de 2012.

Natelinha

Alvinegros prometem invadir Santa Cruz-RN no domingo





Trezeanos dos quatro cantos da Paraíba prometem invadir a cidade de Santa Cruz-RN, no próximo domingo, quando o Galo enfrenta, a partir das 17 horas, o time de mesmo nome, pelo jogo de volta da segunda fase da Série D.
Além de carros particulares, que partirão momentos antes da partida, a torcida se organiza em caravanas, como é o caso do Núcleo Alvinegro, que está disponibilizando a ida para o interior do Rio Grande do Norte por apenas R$ 25. Um ônibus e uma van partirão para o destino a partir das 10 horas do domingo. A concentração será em frente à Loja do Treze, no Centro de Campina Grande.
Os interessados devem efetuar depósito na conta poupança da Caixa Econômica Federal, em nome de Hiury Gustavo Bezerra Fontes (conta: 00034267-9 / agência: 0737 / operação: 013). Outra forma de pagamento é no dinheiro, a ser entregue ao torcedor Audigler, da IS Modas, localizada na Galeria Palomo, na Maciel Pinheiro. O valor pode ser pago até as 17h desta sexta-feira (30).
Segundo informações da imprensa potiguar, o preço dos ingressos para o jogo será R$ 30. A distância entre Campina e Santa Cruz-RN é de aproximadamente 150 Km. Além do Núcleo, a Tocha e a Jovem do Galo também estão organizando excursões para o jogo decisivo.


Site do Treze

Torcedor do Sousa não aceita provocações do Auto Esporte: "Não são homens que defendem o Sousa"?




Atacante Helinho (Foto: Renata Vasconcellos)
Parece que o resultado do jogo contra o Treze, na estréia da Copa Paraíba Sub 21, quebrou a moral do Sousa e pelas declarações, de adversários como o Auto Esporte, perderam o respeito pela história e pela bravura do Dinossauro do Sertão.
Desde o último domingo, após a vitória sobre o Botafogo, o treinador do Auto Esporte, o Prof. Ramiro Sousa, fala em vitória sobre o Alviverde Imortal no jogo desse sábado, as 20h00, no Marizão:
– Se os meninos jogarem com essa vontade que jogamos aqui na Graça, podemos ganhar deles lá no Marizão – disse Ramiro ao Globo Esporte PB.
Ao mesmo portal de notícias, desta feita a jornalista Renata Vasconcellos, o atacante Helinho disparou:
– Vou trabalhar muito para conseguir fazer gol. Se a goleada vier, vai ser mérito da gente.
Brios
Acredito muito nesse grupo do Sousa. Apesar de jovens, e talvez ainda mais por isso, esses garotos devem mostrar muito serviço nessa Copa Paraíba Sub 21, caminho para a Copa do Brasil e vitrine para o mercado.
Raça Dinossauro!
E acredito que eles honrarão a camisa do Sousa contra o Auto Esporte.
Mas como sousense [e cronista que acompanha o dia a dia do Dinossauro, seja como repórter fotográfico, blogueiro ou narrador esportivo de rádio] não posso admitir (tenho esse direito e a liberdade para assim me expressar) que um atacante (Sub 21) venha desrespeitar a história do Sousa desta forma (“Se a goleada vier, vai ser mérito da gente”).
Sabido é para todos nós que os três resultados possíveis no futebol são derrota, empate ou vitória. E quem de nós (leitores, cronistas, atletas, dirigentes) poderá antecipar ou prever o resultado de um jogo antes do apito final do árbitro?
Então falar em goleada é arrotar arrogância, asco e estrelismo.
Digo mais: se algum atleta do grupo do Sousa não se sentir homem o suficiente para jogar com vontade e honra contra o Auto Esporte que solicite dispensa e nem entre em campo neste sábado à noite.
Mais vale um perna-de-pau com honra, coragem e vontade do que ‘um qualquer’ que não sabe o que quer!

 
Blog  do Garotão

Campinense entrou com recurso para tentar reverter a decisão do STJD

O Campinense Clube entrou com recurso, junto ao Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), para tentar reverter o resultado do julgamento da última terça-feira, que acabou absolvendo o Fortaleza e mantendo o rebaixamento da Raposa para a Série D do Campeonato Brasileiro. A documentação foi enviada ao STJD na tarde desta sexta-feira pelo advogado Carlos Francisco Portinho, que está representando o Campinense no caso.
A tentativa do advogado e do clube é fazer com que o placar de 5 a 0 favorável ao Fortaleza, no julgamento da última terça, seja revertido. Essa decisão em primeira instância será revista em novo julgamento, desta vez pelo pleno do STJD.
- Já entramos com recurso, pedindo um novo julgamento no pleno. Nos antecipamos, por precaução, com a entrada desta documentação. No máximo, até a próxima quarta, estaremos apresentando as razões do recurso - explicou Carlos Portinho.
Antes de apresentar as razões, porém, o advogado espera uma cópia escrita do relator do processo, Francisco de Assis, que culpou o atleta Carlinhos Bala e inocentou o Fortaleza. Para o advogado do Campinense, esse voto foi confuso.
- É estranho que o clube seja inocentado por um ato tão grave de um atleta seu. Eu pedi uma cópia por escrito do voto do relator, que deve sair ainda hoje. A partir disso, montaremos nossas razões para o recurso, que apresentaremos na próxima semana.
Carlos Portinho se mostra confiante numa "virada de jogo" neste caso. Para ele, é possível, sim, reverter a decisão da 2ª Comissão Disciplinar do STJD, que foi quem julgou o caso em primeira instância.
- Temos plena convicção de que o resultado do primeiro julgamento pode ser revertido, agora, no pleno. O novo julgamento deve ser realizado já na semana do dia 13.
O prazo para que o STJD inclua o recurso do Campinense na pauta de julgamentos é de 15 dias, a contar desta sexta-feira.


Por GLOBOESPORTE.COMCampina Grande

Ramiro define jogo contra o Sousa como final e avisa: 'vamos para cima'

Final de campeonato. É assim que o técnico do Auto Esporte, Ramiro Sousa, define o jogo deste sábado contra o Sousa. A longa viagem ao sertão do estado parece não desanimar o time, que de acordo com o treinador, “vai pra cima” do Dinossauro. Mesmo jogando fora de casa e com a torcida reduzida, Ramiro Sousa promete jogar da mesma forma que jogou na vitória por 2 a 0 sobre o Botafogo-PB, no último domingo.
- É como se fosse a final do campeonato. Nossos jogadores já estão mentalizando isso, porque é um campeonato curto e cada jogo pode significar a liderança. Esse contra o Sousa é mais difícil ainda por ser fora de casa, mas nós vamos para cima deles – avisou.
Atacante Helinho promete ser a revelação do Auto Esporte na Copa Paraíba (Foto: Renata Vasconcellos)
Helinho promete ser a revelação do Auto Esporte na
Copa Paraíba (Foto: Renata Vasconcellos)
Quem também pensa da mesma forma é o atacante Helinho, autor do segundo gol do Auto no jogo contra o Belo. A expectativa, segundo ele, é muito boa, já que o Sousa veio de uma goleada de 5 a 1 sofrida contra o Treze.
- Vou trabalhar muito para conseguir fazer gol. Se a goleada vier, vai ser mérito da gente. Mas vamos pro jogo com muito respeito pelo Sousa.
A vontade de vencer o time sertanejo é unanimidade entre os jogadores do alvirrubro de João Pessoa. Mas o time titular, no entanto, ainda é dúvida para o técnico. Helinho, que promete ser a grande revelação do Auto para esse campeonato, sentiu dores na perna direita e ainda está esperando uma liberação do departamento médico para jogar no sábado.
- É apenas um desconforto, que a vontade de jogar dele pode até superar a dor. Hoje ele ainda vai tomar medicação e fazer fisioterapia. Amanhã pela manhã teremos uma posição do departamento médico – explicou o técnico.
Outro jogador que também está no departamento médico do Auto é o zagueiro Túlio. De acordo com Ramiro, essas duas indefinições de última hora o impedem de divulgar o time que vai entrar em campo. No entanto, ele já adiantou alguns jogadores que já estão com a vaga garantida para o jogo no Marizão. São eles: o lateral direito Jaílson, que também marcou no jogo de estreia contra o Botafogo, o goleiro Ferreira e o volante Michel.
Ramiro passa as últimas informações no treino do Auto antes do jogo contra o Sousa (Foto: Renata Vasconcellos)
Ramiro passa as últimas informações no treino do Auto antes do jogo contra o Sousa (Foto: Renata Vasconcellos)
O time automobilista fez o último treino antes da partida contra o Sousa na manhã desta sexta-feira, no Mangabeirão. No início da tarde, o elenco composto por 19 jogadores embarca para o sertão do estado. O jogo contra o Dinossauro acontece às 20h deste sábado, no Marizão.

 


G1/Paraíba

Galo definido mas com táticas diferenciadas para enfrentar o Santa Cruz/RN

Onivaldo Elias (BOB ESPONJA)
 www.redeesperanca.com.br
Colaborador Agora Esportes



Campina Grande, PB - "Não vamos mexer na equipe, mas farei algumas variações táticas diferentes para conseguirmos a classificação", disse o técnico Marcelo Vilar, ao final do coletivo apronto na tarde desta 6a feira (30) no estádio Presidente Vargas. Time focado, determinado e unido num só objetivo, a classificação para a terceira e última fase do Campeonato Brasileiro da Série D.

Esta sexta-feira começou com descanso no período matinal, já ao vespertino no PV, viu-se uma verdadeira apoteose de apoio: batucada, faixas, bandeiras e fogos de artifício, mais de mil torcedores levaram apoio a todos os profissionais do clube durante o coletivo-apronto de 49 minutos com vitória dos titulares por 2 x 0, gols de Cléo e Ferreira.

Vilar pediu aos três setores do time, muita tranquilidade, serenidade e competência para superar o bom tricolor do trairy, pois será uma parada indigesta, mas que dá sim para digerir o adversário.

Esquema tático 1.4.4.2: Lopes, Ferreira, Anderson, Thiago Cenedesi e Celico; Fábio Oliveira, Roberto, Chapinha e Doda; Cléo e Warley. No banco de reservas, duas dúvidas: Carlos, Tigrão ou Cleiton Cearense, André Lima ou Saulo, Fernando Pires, Danilo Gomes, Vavá e Edenílson.

Neste sábado (01) ás 09h00 no PV, recreativo e ás 13h00, viajem para Currais Novos/RN.

"Fala Brasil" amarga terceiro lugar na Record

Divulgação/Tv Redcord
A edição desta última quinta-feira (29) do "Fala Brasil" registrou baixos índices de audiência na Record e, de forma surpreendente, ocupou o terceiro lugar no ranking do Ibope.

O jornal matutino comandado por Carla Cecato e Roberta Piza obteve apenas 5 pontos de média - ante 6 e 7, que costuma oscilar na maioria de suas edições. O SBT, na mesma faixa, ocupou a vice-liderança com 6 pontos e a Globo liderou o ranking com 8.

Desconsiderando o arredondamento, a vitória do SBT sobre a Record foi de 2 décimos. Entretanto, ainda assim, o "Fala Brasil" teve um de seus desempenhos mais fracos nos dias de semana ao longo de todo o ano.

Esses índices são baseados na preferência de um grupo de telespectadores da Grande São Paulo.

Natelinha

Globo reforça divulgação de "Malhação" como ultimato antes de mudanças

Trio de "Malhação": audiência baixa pode acarretar em mudanças no texto - Divulgação/Globo
Insatisfeita com os índices de audiência da nova temporada de "Malhação", que estão oscilando na casa dos 15 e 17 pontos, a Globo está recorrendo a última tática antes de ordenar a alteração nos rumos da história.

Desde o início desta semana, a emissora carioca está reforçando a divulgação da trama. Chamadas em novelas como "Morde & Assopra" e em outros produtos da casa estão sendo feitas em forma de resumo da história, com o intuito de atrair novos telespectadores mesmo com a trama em desenvolvimento há aproximadamente um mês.

Caso as medidas da Globo não resultem em crescimento nos índices de "Malhação", a alta cúpula da emissora carioca deverá interferir na produção em defesa de mudanças no texto.

Tramas de suspense, como a do protagonista Gabriel (Caio Paduan) e todo o mistério que envolve o número 1046 deverão perder espaço em prol do tradicional disputa entre vilões e mocinhas.

Natelinha

Após polêmica, Band quase demitiu Rafinha Bastos

Divulgação
O apresentador e humorista Rafinha Bastos está em situação complicada na Band.

No "CQC" do dia 19 de setembro, Marcelo Tas comentou: "Que bonitinha que está a Wanessa Camargo grávida". Logo em seguida, Rafinha Bastos rebateu: “Eu comeria ela e o bebê”.

A frase causou indignação em muitas pessoas, entre elas Marcos Buaiz, marido da cantora, e Ronaldo, amigo e sócio dele na empresa "9ine".

O ex-jogador reclamou com a Band, que transmitiu ao humorista e também se mostrou contrária ao que ele falou.

Inclusive, a emissora cogitou demitir Rafinha. Só não fez isso porque o presidente Johnny Saad segurou e porque um diretor intermediou, dizendo que resolveria de forma mais séria.

Comenta-se nos bastidores da Band que na próxima polêmica o comediante será demitido por justa causa.

Diante da gravidade do caso, até mesmo seu parceiro de bancada no "Custe o que Custar", Marco Luque, enviou um comunicado ao portal UOL repudiando a frase: “Sobre a piada feita pelo Rafinha Bastos, no Programa CQC que foi ao ar no dia 19 de setembro, eu, como pai, entendo e apoio a revolta e a indignação do Marcus Buaiz, um homem que conheço e respeito. Se fizessem uma piada com este contexto sobre a minha família, certamente ficaria ofendido. Com certeza uma piada idiota e de muito mau gosto”.
Procurada pelo NaTelinha, a asessoria de imprensa da Band disse que a emissora ainda está avaliando o caso.

Além do "CQC", Rafinha Bastos comanda o programa "A Liga".

MP constata mais irregularidades em novas inspeções de escolas na PB

Dessa vez fiscalizações foram feitas nos municípios de Sapé e Sobrado.
MP já tinha detectado irregularidades em escolas de Livramento e Sousa.

Do G1 PB

A Promotoria de Sapé e o Centro de Apoio Operacional às Promotorias da Educação realizaram fiscalizações nas escolas de Sapé, que fica a 55,40 km de João Pessoa, e Sobrado, localizada a 61,40 km da capital dentro do Projeto “MP pela Educação” e constatou diversos problemas, principalmente estruturais. As inspeções foram coordenadas pela promotora de Justiça Juliana Couto Ramos.
De acordo com informações do Caop da Educação, em Sapé, foi fiscalizada a Escola Municipal Luiz Inácio Ribeiro, onde está havendo uma reforma e os alunos estavam assistindo aula no meio de poeira e escombros. Por isso, os professores por conta própria suspenderam as aulas. Essa escola já havia passado por uma reforma anteriormente.

Na única creche municipal de Sapé, Helena Pessoa de Melo, estudam 40 crianças, mas não trabalham professores, apenas monitores com ensino fundamental completo. Também não havia merenda suficiente e o almoço servido era feijão, arroz, macarrão e ovo. Outro problema foi a falta de material de higiene. No momento da inspeção, só havia um frasco xampu de adulto para todos os alunos. Além disso os portões estão enferrujados colocando em risco a saúde das crianças.

Já na Escola Municipal Senhor do Bonfim, da zona rural de Sapé, as salas são multisseriadas, há buracos na parede e a caixa dágua ameaça desabar. Em Sobrado, a Escola José Antônio Sobrado funciona numa casa alugada que possui uma sala interditada porque ameaça cair e comprometer toda a estrutura da casa.
A reportagem tentou entrar em contato com ambas as prefeituras mas até às 13h30 não havia obtido respostas.

Hospital de Campina Grande, PB, confirma 3º caso de bactéria KPC

Segundo médica, mulher de 29 anos não apresenta quadro de infecção.
Três pacientes estão internados em setor isolado para não aumentar riscos.




A direção do Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande confirmou na quinta-feira (29) que mais um paciente foi diagnosticado com a bactéria Klebsiella pneumoniae carbapenemase (KPC). É o terceiro caso registrado na unidade hospitalar. De acordo com a infectologista Priscila Sá, a presença da superbactéria foi confirmada por meio de um exame de coleta de secreção.
O diretor Flaubert Cruz explicou a situação. “Ela possui nas mucosas a bactéria, mas não tem a infecção. Qualquer um de nós que frequenta ambiente hospitalar pode ser colonizado, porém a infecção acomete pessoas com imunodepressão ou doenças graves”, disse.
Além dela, outros dois pacientes continuam internados desde agosto apresentando o mesmo quadro, sendo um homem de 41 anos do município de São João do Cariri e uma mulher de 29 anos de Campina Grande. Até a quinta-feira, a paciente de Campina Grande era a única que havia desenvolvido infecção.
Todos permanecem internados em setores isolados e são atendidos por uma equipe médica exclusiva. O objetivo, segundo a infectologista, é evitar agravamento no estado de saúde deles e riscos de contaminação em outros setores do hospital.
Segundo a médica Priscila Sá, os pacientes que têm a bactéria no corpo não desenvolvem, necessariamente, uma infecção. “Na maioria das vezes, a bactéria está presente no organismo, mas se desenvolve quando a imunidade da pessoa não é suficiente para combatê-la”, explicou.
Ainda conforme a infectologista, a KPC adquiriu um mecanismo de resistência a antibióticos potentes, por isso se instala principalmente em pacientes que estão internados em estado grave em Unidades de Terapia Intensiva (UTIs).. Ela provoca principalmente pneumonia e infecção urinária. Para evitar contágio, é importante que pacientes, visitantes e funcionários tenham cuidado redobrado com a higiene.

Advogado, tio de rapaz assassinado em Mangabeira, diz que o caso agora e com ele



O advogado Lula Lucena, tio do estudante Aluízio Henrique Silva Cordeiro de Lucena, de 20 anos, assassinado a tiros na madrugada desta sexta-feira (30) em Mangabeira disse que agora o caso é com ele. “Não quero e não posso apontar suspeitos, mas vou acompanhar o caso e tomar as providências que a lei demanda”, garantiu o bacharel.
Luis Lucena explicou que não teve mais contato com o seu sobrinho e não sabia que ele estava morando em Mangabeira. O advogado relembrou que durante as investigações sobre o assassinato Marx Nunes Xavier, de 25 anos, onde o jovem é apontado com o principal suspeito, Aluízio Henrique teve problemas com o delegado de Cabedelo, mas tudo foi sanado depois que a Justiça concedeu um habeas corpus preventivo.
O bacharel afirmou ainda que nada foi comprovado sobre a participação do seu sobrinho no assassinato de Marx Nunes Xavier.


Paulo Cosme em www.paraiba.com.br

"Fina Estampa": Tereza Cristina ofende Griselda, que entra em depressão

Divulgação
Griselda (Lilia Cabral) segue sendo humilhada por Tereza Cristina (Christiane Torloni) em "Fina Estampa".

Em capítulo que deve ir ao ar no dia 4, a madame descobre que Pereirão passou noites trabalhando nos reparos do Le Velmont, ao lado do marido, Renê (Dalton Vigh), que escondeu a informação.

Então, ela vai até a casa da "faz-tudo" e pergunta: “Você tem alguma ilusão, alguma fantasia em relação ao meu marido?”.

Logo na sequência, despeja várias ofensas: “Você não se olha no espelho. Porque se olhar, e for honesta como você proclama ser, vai ver o que vejo. E que é o que qualquer um, com um mínimo de discernimento, também vê: uma piada constrangedora e de muito mau gosto na forma de uma criatura horrorosa, que nem por caridade dá pra gente chamar de mulher. Porque você não é uma mulher. Não é feminina. Nem masculina você é. Você é um nada! É um macacão ambulante! Seu filho é mau-caráter, mas numa coisa eu dou razão a ele: ter vergonha de você! Ninguém quer essa figura ridícula, grosseira que você é pra ter como mãe!”.

Assustada, Griselda reage com um grito: “Chega!”. Ainda não satisfeita com o que já havia dito, Tereza solta mais:  “Vai lá se olhar no espelho, anda. E você vai ver que o único sentimento que Renê pode ter por você é de pena. Muita pena mesmo. E isso, só porque o meu marido é um homem bom e generoso”.

Na mesma noite, Renê procura Griselda e tenta consolá-la. Porém, bastante chateada, ela pede para o chef não a procurar nunca mais.

Depois de tudo isso, Pereirão entra em depressão e pede à filha, Amália (Sophie Charlotte), para cancelar todos os seus compromissos pelos próximos dias.

"Fina Estampa" vai ao ar logo após o "Jornal Nacional", na Globo.

Natelinha

Motos colidem e dois ficam feridos no Conde

Duas pessoas ficaram gravemente feridas após uma colisão entre duas motocicletas na cidade do Conde, Litoral Sul paraibano.
Vítima
Foto: Twitter - @emersonmofi
De acordo com o repórter Emerson Machado da Tv Correio, o acidente ocorreu por volta das 16h30 desta sexta-feira (30), quando os dois condutores dos veículos bateram de frente.











Vítima 2
Foto - Twitter: @emersonmofi
As vítimas, ainda não identificadas, foram socorridas para o Hospital de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena na Capital onde passam por atendimento médico neste momento.



Portal Correio

Record contrata Romário para Jogos Pan Americanos

A Record acaba de acertar mais um grande reforço para a cobertura dos Jogos Pan Americanos de Guadalajara, no México. Trata-se do ex-jogador e agora deputado federal Romário.

Romário deverá embarcar rumo ao México em breve. No decorrer dos próximos dias ele ingressará com um pedido de licença de dez dias junto à Câmara dos Deputados.

Em tempo

Romário tem 45 anos e dedicou boa parte de sua vida aos esportes. Atuou como atacante e teve experiência como treinador. Passou pelo Flamengo, Vasco e Fluminense, os maiores times do Rio de Janeiro e rivais tanto regionais como no âmbito nacional.

No decorrer de seus mais de 20 anos de carreira no futebol, Romário também trabalhou em times do exterior, como o PSV, Valencia e Barcelona.

Elegeu-se deputado federal pelo PSB nas eleições do ano passado. O seu mandato vai até o final de janeiro de 2015.

Caop da Saúde e Promotoria inspecionam unidades em Caaporã e Pitimbu


Medicamentos vencidos foram constatadosO Centro de Apoio Operacional às Promotorias da Saúde, em atendimento à solicitação da da promotora de Justiça Cassiana Mendes de Sá, realizou uma inspeção nas unidades de saúde dos municípios de Caaporã e Pitimbu. As inspeções foram acompanhadas por equipes da Vigilância Sanitária Estadual e Municipal, do Corpo de Bombeiros, do Conselho Regional de Enfermagem, de Farmácia e de Odontologia, além de representantes do Controle Social local e das coordenações da atenção básica.


De acordo com informações da coordenadora do Caop da Saúde, Adriana Amorim, o médico da Procuradoria-Geral de Justiça, Edivaldo Medeiros, também acompanhou os trabalhos e aplicou questionário desenvolvido para o levantamento das condições de cada unidade da Estratégia Saúde da Família nos municípios.

Em Caaporã, foi inspecionada a Unidade Básica de Saúde da Família localizada no Bairro Mangabeira, que passou por recentes reformas, após recomendação da Promotoria, com base em relatórios prévios da Vigilância Sanitária e do Conselho Regional de Medicina.

Em Pitimbu, foram inspecionadas três unidades de saúde, que estavam em estado precário. No primeiro estabelecimento, Unidade Básica de Saúde Taquara, estavam ausentes médicos, enfermeiros e dentistas. Uma quantidade muito grande de medicamentos com data de validade expirada foi encontrada.

“Fato absurdo foi constatado: a frequência do cirurgião dentista estava assinada até o final da semana, numa demonstração de desrespeito aos princípios da moralidade e probidade administrativas. A promotora da comarca afirmou que irá instaurar procedimento para apurar a ilegalidade”, disse Adriana Amorim.

Outra unidade inspecionada foi a de Camucin, onde as condições também são inadequadas para a prestação do serviço de saúde. A Vigilância Sanitária Estadual apreendeu mais de 500 comprimidos de ácido fólico, 104 unidades de solução injetável, 52 caixas de anticoncepcionais, além de outros medicamentos, como tibolona, verbectil e sivastatina vencidos, bem como outros picotados, com comprometimento das informações sobre lote e prazo de validade.

Por fim, foi inspecionado o Centro de Saúde de Pitimbu, que está sem médico há aproximadamente um mês. A situação é preocupante, pois além da ausência da equipe completa na unidade, as instalações físicas estão necessitando de urgentes reformas. Foram encontrados diversos materiais sem uso e sucateados. Medicamentos vencidos destinados a tratamentos odontológicos também foram encontrados.

A promotora Cassiana Mendes já recomendou a adoção de medidas urgentes para a correção das irregularidades, e após a remessa dos relatórios, reunirá os gestores para cobrança das providências para a melhoria da situação. Conforme o Relatório de Avaliação dos Indicadores do Pacto pela Vida, o município de Pitimbu não cumpre grande parte das metas pactuadas, a exemplo dos números da mortalidade infantil, e providências emergenciais devem ser tomadas pelos gestores para o saneamento das irregularidades.

MP entra com ação e pede bloqueio do FPM para pagar salários dos servidores de Carrapateira



Por conta do atraso de quatro meses no pagamento dos servidores municipais, o Ministério Público Estadual ingressou com uma Ação Civil Pública com pedido de liminar contra a Prefeitura de Carrapateira, na pessoa do prefeito José Ardison Pereira, requerendo o bloqueio do valor do débito proveniente do FPM (Fundo de Participação do Município), com vistas a garantir o pagamento dos salários em atraso dos servidores públicos do Município de Carrapateira. O montante do débito chega a pouco mais de R$ 693 mil. A cidade fica distante cerca de 383 quilômetros de João Pessoa.
Segundo informou o promotor de Justiça, Lean Matheus de Xerez, várias reclamações sobre a falta de pagamento dos salários dos servidores foram feitas junto à Promotoria de Justiça de Defesa dos Direitos Transindividuais.
Consta na ACP que pelos documentos juntados aos autos durante o processo investigatório, constata-se que até o momento o prefeito do Município de Carrapateira, José Ardison Pereira, não efetuou o pagamento dos vencimentos de parte dos funcionários da Prefeitura, referentes aos meses de junho, julho, agosto e setembro deste ano.
Estão sem receber os salários os servidores públicos lotados no Gabinete do Prefeito, Secretaria de Finanças, Secretaria de Administração, Secretaria de Ação Social e Cidadania, Secretaria de Saúde, Secretaria de Educação e Cultura, Secretaria de Infraestrutura, Secretaria de Agricultura, Secretaria de Turismo e Gestão Ambiental e Secretaria de Esportes e Lazer.
“Foram colhidas declarações de vários servidores públicos do município de Carrapateira, constatando a grave situação em que se encontram em virtude do atraso no pagamentos seus salários”, ressaltou o promotor Lean Matheus de Xerez.
Na ACP, o Ministério Público pede que o bloqueio permaneça até arrecadar valores suficientes para saldar toda a folha de pagamento do funcionalismo municipal, que se encontra em inadimplência.

Assessoria MPE

CAAPORÃ: Promotoria ingressa ação de improbidade administrativa contra ex-prefeita de Caaporã

A Promotoria do Patrimônio Público de Caaporã ingressou com uma ação de improbidade administrativa contra a ex-prefeita de Caaporã Jeane Nazário dos Santos, a Empresa Armando Rodrigues de Oliveira e contra o próprio Armando Rodrigues. A ex-prefeita teria dispensado a realização de uma licitação, alegando inexigibilidade, e contratado a “1001 ideias – Promoções de Eventos” por R$ 298 mil, para a produção e apresentação de 15 bandas, para as festividades juninas de 2005.


Documentos encaminhados pelo Tribunal de Contas do Estado apontaram irregularidades na inexigibilidade de licitação. De acordo com os dados fornecidos pelo Sagres (Sistema de Acompanhamento da Gestão dos Recursos da Sociedade), a nota de empenho foi emitida em favor de Armando Rodrigues de Oliveira no dia 04 de maio de 2005, data anterior a assinatura do contrato, que foi no dia 05 de maio.

A promotora de Justiça Cassiana Mendes de Sá explicou que, para caracterizar inexigibilidade, é imprescindível que o artista seja consagrado pela crítica especializada ou pela opinião pública e que o pagamento seja realizado diretamente ao profissional ou através de seu empresário exclusivo. “Observa-se que os promovidos não demonstraram a presença de qualquer desses requisitos exigidos pela Lei de Licitações, produzindo ato administrativo eivado de nulidade”, disse.

Segundo a promotora, os membros da Comissão de Licitação e a então gestora municipal, com total descaso pela coisa pública e em flagrante violação ao princípio da economicidade, deixaram de realizar pesquisa prévia de preços, celebrando contrato na quantia de R$ 298 mil. “Não é concebível que o chefe da edilidade, quando da contratação direta, fique inerte com relação à pesquisa de mercado, omitindo-se de justiçar o preço avençado, notadamente quando se sabe da existência de inúmeras outras bandas musicais pela região; porquanto, ao direcionar os gastos do dinheiro público, deve primar pelo interesse público”, declarou.

Cassiana Mendes ressaltou que a ex-prefeita Jeane Nazário liberou verba no montante de mais de R$ 900 mil, no exercício de 2005, para contratação de serviços artísticos, sendo mais R$ 817 mil somente para a empresa de Armando Rodrigues, enquanto para merenda escolar foi destinada menos da metade da quantia referida, cerca de R$ 414 mil. “Ora, é indispensável que o comportamento do gestor se alie ao princípio da razoabilidade, de modo que suas escolhas estejam diretamente ligadas as necessidades da coletividade. A discricionariedade não o autoriza a fazer o que bem entender com o dinheiro público”, comentou.

Outro ponto destacado pela promotora foi a comparação da quantia destinada aos festejos juninos de Caaporã e de Campina Grande, em 2005. Enquanto para conhecido “Maior São João do Mundo” foram destinados R$ 235 mil, para o São de Caaoporã, foram R$ 298 mil, uma diferença de R$ 63 mil. “Frise-se, ainda, que a população do Município de Campina Grande é quase 19 vezes a do Município de Caaporã. Sob esta perspectiva, flagrante o uso irracional do dinheiro público e o desrespeito ao povo caaporense, sendo imperativa a responsabilidade dos envolvidos”, afirmou.
“Registre-se a reincidência da conduta ímproba, já que, no período do carnaval de 2005, o Município de Caaporã, através da prefeita Jeane Nazário, também havia firmado contrato direto com a empresa Armando Rodrigues de Oliveira, para prestação de shows artísticos, após indevida inexigibilidade de licitação, tendo inclusive sido empenhada nota de emprenho no valor de R$ 142.720,00 (cento e quarenta e dois mil, setecentos e vinte reais) em favor do beneficiário em data anterior à abertura do certame licitatório”, informou a promotora.
As bandas contratadas pela empresa foram Matruz com Leite, Gata Bronzeada, Companhia do Calypso, Amazan, Raça Negra, Mel de Paixão, Rita de Cássia, Terríveis, Luciene Melo, Cicinho Lima, Balança Nenen, Megalope, Tom Oliveira, Brilho da Paixão e Aviões do Forró.

Punições

A ação pede que a ex-prefeita e Armando Rodrigues sejam condenados nas sanções do artigo 12, incisos II e III, da Lei n. 8.429/92, correspondentes ao ressarcimento integral pelo prejuízo causado ao erário, em favor do patrimônio público municipal, cujo valor deverá ser apurado em liquidação de sentença; perda da função pública; suspensão dos direitos políticos de cinco a oito anos; pagamento de multa civil de até duas vezes o valor do dano; proibição de contratar com o Poder Público ou receber benefícios ou incentivos fiscais ou creditícios, direta ou indiretamente, ainda que por intermédio de pessoa jurídica da qual seja sócio majoritário, pelo prazo de cinco anos; e, por fim, aplicação de multa civil aos réus de cem vezes o valor da remuneração percebida pelo Prefeito Constitucional.

Contra a empresa contratada, a ação pede ressarcimento integral pelo prejuízo causado ao erário, em favor do patrimônio público municipal, cujo valor deverá ser apurado em liquidação de sentença; pagamento de multa civil de até duas vezes o valor do dano; proibição de contratar com o Poder Público ou receber benefícios ou incentivos fiscais ou creditícios.

assessoria MPPB

Jovem é atingido com vinte disparos no momento em que chegava em casa no Conde

O Jovem Fábio Fernando da Silva, 19 anos, foi alvejado com vinte disparos de arma de fogo e encontra-se internado no Hospital de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena, em João Pessoa. A tentativa de assassinato aconteceu por volta das 3 horas da madrugada desta sexta-feira (20), no município do Conde.
Segundo informações da polícia, o rapaz estava em João Pessoa quando pegou um veículo de transporte alternativo na Lagoa com destino a sua residência. Assim que desceu do carro, na comunidade Bom Tempo, Fábio Fernando foi surpreendido por desconhecidos que já chegaram atirando.
O rapaz foi atingido com 13 tiros nos braços e sete no tórax e socorrido numa Kombi para o Trauma onde permanece internado em estado grave. A polícia desconhece os autores do crime, mas acredita que o crime possa está relaciona com o tráfico de drogas.


Paulo Cosme com Edson Pessoa
www.paraiba.com.br

Homem acusado de assassinato na Praia de Jacaré é executado a tiros em Mangabeira

O estudante de classe média alta Aluízio Henrique Silva Cordeiro de Lucena, de 20 anos, foi executado a tiros na madrugada desta sexta-feira (30) dentro de uma residência na comunidade Patrícia Tomaz no conjunto Mangabeira VIII, em João Pessoa. O rapaz é o principal suspeito pelo assassinato de Marx Nunes Xavier, de 25 anos, morto a tiros na madrugada do dia 8 de agosto desse ano na Praia do Jacaré, em Cabedelo. Além Aluízio, outras duas pessoas se encontravam na casa, foram feridas a balas e socorridas para o Hospital de Emergência e Trauma Senador Humberto de Lucena.
Segundo informações da polícia Aluízio Lucena estava dentro da casa quando o imóvel foi invadido. Os dois homens identificados por Matheus Loreto Caniel, 19 anos, e o preso albergado Raimundo Renato Nascimento, 29 anos, foram desarmados e atingidos com vários disparos.
Logo em seguida, os homens caminharam em direção Aluízio Lucena e o executaram com vários disparos. Mesmos feridos, Mateus Lorenzo que foi alvejado no braço e na perna direita e Raimundo Renato que foi baleado na coxa ainda tentaram escapar em veículo Gol pertencente a Aluízio Lucena, ma acabaram detidos pela PM.
Dentro da residência a polícia encontrou um carregador de pistola e outro de revólver e no carro, maconha e cerca de R$ 800,00. A polícia acredita que os dois rapazes que foram baleados estavam trabalhando como segurança para Aluízio Lucena.

Paulo Cosme com Edson Pessoa

www.paraiba.com.br

PT adia julgamento de ‘infiéis’ e evita confronto direto entre os que defendem Agra ou Cartaxo

O PT adiou para dezembro o julgamento dos “infiéis” secretários do Governo de Ricardo Coutinho (PSB), Marenilson Batista, da Secretaria de Desenvolvimento da Agricultura Familiar e Carlos Alberto Dantas, da Secretaria da Infra-estrutura. Eles são acusados de terem desobedecido à legislação do PT, que faz oposição ao Governo.
Segundo o secretário Executivo de Organizações do PT, Josenildo Feitosa, o julgamento foi adiado porque o relator Nabal Quarto Barreto, 2º vice-presidente do PT, deixou de apresentar um documento necessário e o assunto não entrou em pauta.
Ainda em agosto, Feitosa havia informado que o julgamento aconteceria logo após Congresso Nacional do PT, que aconteceu na primeira semana de setembro. Paralelo a isso, o partido enfrenta um impasse e encontra-se dividido.
Uma parte dos filiados quer candidatura própria nos principais colégios eleitorais, o que incluiu João Pessoa e Campina Grande. Na Capital, o PT faz parte da base aliada do atual prefeito Luciano Agra (PSB), metade do partido quer manter a aliança e apoiar Agra em 2012. Outra metade que a candidatura do pré-candidato do PT, Luciano Cartaxo.
A razão para que o julgamento dos “infiéis” fosse realizado após o Congresso Nacional, seria porque nessa reunião ficariam definidas todas as questões de candidatura do partido. Durante o Congresso, os filiados votaram e com 98% de aprovação foi recomendada a candidatura própria nas maiores cidades, mas ainda ficou uma brecha para os diretórios de cada município decidirem.
Dessa forma, o impasse a respeito da candidatura para a Prefeitura de João Pessoa continua. E, paralelamente, o julgamento dos “infiéis” continua sendo adiado.

Pedro Callado em www.paraiba.com.br

quinta-feira, 29 de setembro de 2011

TCE aciona Ministério Público após inspeções em duas cidades

Indícios de graves prejuízos aos cofres municipais levaram o Tribunal de Contas da Paraíba a remeter ao Ministério Público Comum, “para as providências cabíveis na esfera judicial”, os autos de processos resultantes de inspeções especiais realizadas em Cacimba de Areia e Bom Jesus municípios administrados pelos prefeitos Inácio  Roberto de Lira Campos (caso da primeira cidade) e Manoel Dantas Venceslau (da segunda).
Em Cacimba de Areia, a Auditoria do TCE percebeu saldo a descoberto em montante superior a R$ 1,8 milhão e, em Bom Jesus, indícios, também, de saldo a descoberto e despesas fictícias que juntos passam de R$ 379 mil.
A Corte resolveu, ainda, conforme voto do conselheiro Nominando Diniz, relator do primeiro processo, subsidiar as contas de 2011 de Cacimba de Areia com a decisão desta quarta-feira (28), providência com que passou a tratar de contas municipais dentro do correspondente exercício.
Não foi diferente o entendimento do conselheiro Arnóbio Viana, relator do processo resultante de inspeção especial realizada no período de 30 de abril a 09 de junho passados, em Bom Jesus. “Neste processo, os achados de Auditoria são configuradores de graves irregularidades que descambam para o âmbito penal, fato que refoge à competência do TCE”, anotou ele, em seu voto.
E concluiu: “Neste sentido, acompanhando os pareceres da Auditoria e do Ministério Público Especial, e na conformidade do artigo 3º da Resolução Normativa 03/06, voto pela remessa dos presentes autos ao Ministério Público Comum para as providências cabíveis, sem prejuízo da continuidade, por esta Corte de Contas, da análise e julgamento do contido no processo nº 08659/11”.
A reincidência de irregularidades nas contas de Bom Jesus provocou o comentário do auditor substituto de conselheiro Oscar Mamede Santiago Melo: “Ali, a administração não faz justiça ao nome que a cidade possui”. A remessa dos autos ao Ministério Público Comum, enquanto imprime celeridade processual, não impedirá a chance de defesa dos dois gestores públicos em ambas as instâncias de julgamento, a judicial e a do TCE.

ascom/TCE

Reynaldo visita grupo que apoia crianças com câncer

Gianechini
Reynaldo Gianecchini visitando crianças com câncer em SP
Na tarde desta quarta-feira (28),Reynaldo Gianecchine, que está em tratamento contra um câncer, foi conhecer as dependências do Grupo de Assistência à Criança com Câncer (GAAC), em São José dos Campos, no interior de São Paulo. Em agosto, o ator foi diagnosticado com linfoma não-Hodgkin, de células-T, e iniciou a quimioterapia.
Nas imagens feitas pela TV Vanguarda, afiliada da Globo na região, Gianecchini aparece com a cabeça raspada. Como a queda de cabelos é comum nesse tipo de tratamento, o ator preferiu raspar a cabeça antes que seus cabelos começassem a cair. A visita durou cerca de três horas, e o único pedido do ator foi para que ele não desse entrevistas. Mesmo assim, ele acenou para as pessoas que estavam do lado de fora da instituição.

Gianecchini já ajudava financeiramente a instituição, mas decidiu visitar o GAAC após receber uma carta de um menino internado na unidade. Ao encontrar as crianças, eles trocaram experiências e a garotada incentivava o ator para que ele não desanimasse durante o tratamento. "Eu disse para ele que tudo vai dar certo", contou a pequena Júlia Santos.
Em agosto, o ator foi diagnosticado com um linfoma não-Hodgkin, um câncer que atinge os gânglios linfáticos e desde então trava uma batalha contra a doença.
Do UOL

Começam pesquisas em antimatéria que podem desvendar origem do Universo

O Centro Europeu de Pesquisa Nuclear (CERN, na sigla em francês) informou nesta quarta-feira que deu início ao ELENA, projeto que prevê a produção de antiprótons a partir do ano de 2016, o que ajudará no estudo da antimatéria.

O ELENA, aprovado no mês passado, será realizado por cientistas da Alemanha, Canadá, Dinamarca, Estados Unidos, França, Japão, Reino Unido e Suécia, sob a coordenação do CERN.

O diretor do projeto, Stéphan Maury, explicou em comunicado que o ELENA "é uma instalação dirigida a produzir antiprótons com os menores níveis de energia já alcançados". O anel desacelerador do ELENA ficará no mesmo local que abriga o Desacelerador Antiprótons (AD). O mecanismo do novo projeto permite que os prótons com carga negativa alcancem um quinto da energia gerado pelo AD. Isto permitirá uma melhora na produção dos antiprótons de 0,01% a 10%.

Desde que foram descobertos, em 1955, os antiprótons se tornaram uma grande ferramenta de pesquisa e foram importantes na descoberta, das partículas W e Z, responsáveis pelas interações nucleares fracas, uma das quatro fundamentais na natureza. Além disso, no CERN também foram criados os primeiros átomos de anti-hidrogênio.

Walter Oelert, pesquisador pioneiro no estudo da antimatéria no CERN, disse que o ELENA é um grande passo no estudo dessa disciplina, que entre outras coisas, pode esclarecer o processo de criação do Universo.

O desenvolvimento desses experimentos é de extrema importância e permite inclusive estudos sobre o tratamento do câncer. A construção do ELENA está prevista para começar em 2013.

FERNANDO VANUCCI DEIXA A REDE TV!

Após 8 anos na REDE TV!, o apresentador e jornalista Fernando Vanucci deixa a emissora de Almícare Dallevo e Marcelo de Carvalho. Além de REDE TV!, Vanucci já trabalhou na Band, Record e Globo, onde permaneceu por 21 anos. Na emissora carioca, Vanucci ganhou destaque na Copa de 86 e com o famoso bordão "Alô você".

O apresentador se desligou da emissora no último dia 26/09

quarta-feira, 28 de setembro de 2011

Globo diz que não vê semelhanças entre Dulce e Griselda

F5 Televisão da Folha.com
DE SÃO PAULO

A Globo resolveu se pronunciar sobre a briga de Walcyr Carrasco e Aguinaldo Silva.
Os dois autores estão trocando farpas por conta das semelhanças entre as personagens Dulce (Cássia Kiss Magro), de "Morde & Assopra" e Griselda (Lilia Cabral), de "Fina Estampa".
A emissora afirma que a direção conversou com os autores e entendeu que as personagens eram "distintas" e que, portanto, "não havia conflito entre as tramas".
A informação é da coluna Outro Canal, assinada por Keila Jimenez e publicada na Folha desta quarta-feira (28). A íntegra da coluna está disponível para assinantes do jornal e do UOL, empresa controlada pelo Grupo Folha, que edita a Folha.


Blenda Gomes/Alex Carvalho/Divulgação/TV Globo
Dulce (Cássia Kiss Magro) e Griselda (Lília Cabral)
As personagens Dulce (Cássia Kiss Magro) e Griselda (Lília Cabral), que a Globo não considera parecidas

Aeroclube desdenha de Agra: "Acordo unilateral é como um casamento sem noiva, não existe”

Aeroclube desdenha de Agra: "Acordo unilateral é como um casamento sem noiva”

   Fernando Rodrigues
ClickPB
A diretoria do Aeroclube da Paraíba desdenhou nesta  quarta-feira (28), das declarações do prefeito Luciano Agra (PSB) de uma suposta aproximação entre as duas entidades.  "Um acordo unilateral é como um casamento sem noiva, NÃO EXISTE".
 De acordo com nota distribuída pelo Aeroclube, as afirmações de Agra de que as negociações para por fim ao impasse registrado entre a PMJP e os diretores do Aeroclube do Bessa avançaram muito e que o conflito de interesses deve estar resolvido em breve, não são verdadeiras.
 Entenda o Caso
pista
A Prefeitura de João Pessoa destruiu na noite do dia 22 de fevereiro a pista do Aeroclube da  Paraíba, que funciona no bairro do Bessa desde 1964.
O prejuízo com a destruição da pista foi de cerca de R$ 2 milhões, segundo estimativa, à época, da diretoria.
Leia a nota 
NOTA DE ESCLARECIMENTO
 O AEROCLUBE DA PARAÍBA, associação civil de utilidade pública federal, reconhecida pelo Decreto Lei 205/67 e pelo Código Brasileiro de Aeronáutica, com funcionamento autorizado pela União e fiscalização permanente da Agência Nacional de Aviação Civil - ANAC, em respeito aos sócios e à população paraibana, diante das notícias veiculadas na imprensa em geral e na internet, visando esclarecer a população de João Pessoa, aos paraibanos e as autoridades constituídas, trazendo de maneira transparente e objetiva a verdade aos fatos, esclarece que:
1- recebeu com estranheza as declarações feitas pelo edil pessoense durante entrevista a uma renomada rádio da cidade, afirmando "que as negociações para por fim ao impasse registrado entre a PMJP e os diretores do Aeroclube do Bessa avançaram muito e que o conflito de interesses deve estar resolvido em breve";
2- os anseios de um grande Aeroclube que o prefeito de João Pessoa agora propala aos quatro ventos é dividido também por toda diretoria do Aeroclube e pelos seus associados, que sempre desejaram uma pista maior, novos hangares, nova pista de aeromodelismo, sala de embarque e etc.
3 - o grande problema nessas declarações é que até a presente data, nenhum contato oficial foi feito por qualquer representante da prefeitura com a diretoria do Aeroclube. Um acordo unilateral é como uma casamento sem noiva, NÃO EXISTE.
 4 - reafirmamos que o Aeroclube não está e NUNCA esteve fechado para qualquer tipo de negociação ou relocação da nossa sede, desde que esta seja justa, digna e que respeite a nossa história e os homens de bem que fazem e fizeram nossa instituição. A verdade é que NÓS NUNCA FOMOS PROCURADOS PARA ISSO.
 5- o que houve de fato a mais de 2 meses, foi uma consulta verbal e uma solicitação de um terceiro interessado, para que fôssemos conhecer uma área particular existente no litoral sul, para afirmarmos se ali comportaria tecnicamente um novo aeródromo, onde após a visita da diretoria, inclusive com engenheiros aeronáuticos, afirmamos que com pequena movimentação de terras, aquele local poderia sim receber um aeródromo. NADA MAIS DO QUE ISSO.
6- os nossos advogados estão autorizados a receber qualquer representante, seja ele da iniciativa pública ou privada, e após as análises jurídicas, estas serão submetidas ao crivo da diretoria, do conselho consultivo e por fim da Assembleia Geral, órgão máximo da nossa instituição, e se um dia for concretizada uma transação, esta será homologada pela Justiça Federal, com a presença do Ministério Público Federal e fiscalização da ANAC.
7 - por fim, lembramos que um acordo só é bom quando é bom para ambas as partes, e que estamos abertos ao diálogo, poderíamos radicalizar e ir até as últimas instâncias jurídicas o que demandaria anos, mas, ciente de que o diálogo é a melhor solução, aguardamos ações, concessões e humildade por parte dos representantes da prefeitura de João Pessoa, para sairmos das palavras e seguirmos para atos de grandeza em prol do desenvolvimento de nossa cidade.
João Pessoa, 28 de setembro de 2011
A DIRETORIA

BOMBA! STJD anula partida da Série D e oitavas-de-final pode ter novo integrante

Rio de Janeiro, RJ - O Campeonato Brasileiro da Série D está em aberto. Na madrugada desta quarta-feira, o Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) acabou julgamento a partida entre Anapolina e Tocantinópolis e decidiu pela anulação do confronto. Assim, o futuro da competição deve ser definido nos próximos dias, já que essa decisão pode causar alterações na classificação.
O julgamento durou aproximadamente três horas e o Anapolina acabou sendo defendido pelo advogado Osvaldo Sestário, que primeiramente queria a eliminação do Itumbiara, mas conseguiu pelo menos a realização de uma nova partida entre o time goiano e o Tocantinópolis, que deve ser remarcado nesta quarta-feira pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF). Assim, o Itumbiara acabou sendo absolvido, enquanto o Anapolina foi condenado a pagar uma multa de R$ 7 mil e o Tocantinópolis terá que desembolsar R$ 10 mil. Por parte do time tocantinense, Fuzoê foi suspenso por 180 dias, China terá que cumprir cinco jogos de suspensão e Renatinho foi punido com 12 jogos, além de uma multa de R$ 5 mil. Já os jogadores Santos e Gustavo, além do auxiliar-técnico Valdemar Pereira, todos do Tocantinópolis, foram absolvidos.
Com essa decisão do STJD, o jogo envolvendo Itumbiara e Villa Nova-MG não deve acontecer neste final de semana, já que o Anapolina pode garantir a classificação se vencer o Tocantinópolis na partida que será remarcada. No primeiro confronto das oitavas-de-final da Série D, o Itumbiara venceu o Villa Nova, por 3 a 1.
O Anapolina foi eliminado, depois do “cai cai” promovido pelo Tocantinópolis-TO, que já perdia por 4 a 1, quando faltavam ainda vinte minutos para o término do jogo em Anápolis. Naquela altura, mais um gol daria a vaga ao Anapolina no lugar do Itumbiara que já tinha perdido para o Tupi-MG, por 1 a 0, em Juiz de Fora-MG. O time mineiro terminou na liderança do Grupo 5, com 14 pontos, seguido por Itumbiara e Anapolina, com 13 pontos, com o Itumbiara tendo melhor saldo de gols: 3 a 2.
O Anapolina acusa o Itumbiara de ter enviado um incentivo financeiro para que o Tocantinópolis vencesse o time de Anápolis. Antes da partida, o técnico do Itumbiara, Victor Hugo, chegou a dar uma entrevista dizendo que sabia sobre uma possível mala branca. "Eu sei que nosso presidente está mandando dinheiro para o Tocantinópolis. Então, você gratificar uma equipe para ganhar o jogo, acho que isso aí não tem nada que impeça", comentou o treinador em entrevista à Rádio Globo de Juiz de Fora-MG.

AFI

PB perde para o Rio e vai lutar contra rebaixamento no Basquete Sub-17

Time da Paraíba terminou em terceiro lugar de seu grupo. Vai para a disputa de quinto a oitavo, sendo que este último cai para a 2ª divisão

Por GLOBOESPORTE.COM Porto Alegre
 
A Paraíba perdeu para o Rio de Janeiro por 68 a 31 em jogo da 1ª divisão do Campeonato Brasileiro de Basquete Feminino Sub 17, disputado em Porto Alegre, e não tem mais chances de brigar por títulos. Agora, as meninas vão brigar para se manter na elite do basquete brasileiro de base.
No campeonato, três equipes são rebaixadas. Como as dez seleções estão dividas em duas chaves, o último colocado de cada já está automaticamente na segunda divisão. As duas primeiras colocadas passam para as semifinais, e o terceiro e o quarto lugar de cada grupo se cruzam na disputa entre o quinto lugar e o oitavo (que também estará rebaixado).
Como a Paraíba ficou em terceiro lugar do Grupo B, enfrenta no próximo confronto o quarto colocado do Grupo A. Se vencer, permanece na 1ª divisão e vai para a disputa de quinto e sexto. Se perder, vai brigar com o perdedor do outro jogo quem fica em sétimo e oitavo, em briga direta contra o rebaixamento.
A seleção paraibana estreou bem na competição, vencendo o Mato grosso do Sul por 55 a 41. Na partida seguinte perdeu para o Paraná pelo placar de 70 a 36. Já na terceira rodada se recuperou e ganhou do Rio Grande do Norte por 40 a 34, mas nesta quarta voltou a perder, desta vez para o Rio de Janeiro.
Segundo o técnico da Paraíba, Pedro Uchôa, a partida desta quarta-feira foi dura, contra um time forte, mas mesmo assim as paraibanas jogaram de forma mais ou menos equilibrada até o terceiro quarto.
- Estamos contentes com a determinação, garra e vontade das meninas, que agora vão lutar para buscar a quinta posição, que não é demérito para nosso Estado – declarou.

Com Pantera machucado, Bota-PB promete contratar 'goleiro de Série B'

Reforço para a Copa Paraíba chegaria até esta quinta-feira. Garantia é de supervisor do clube, que diz não saber dimensão da contusão de Pantera

Por Phelipe Caldas João Pessoa
globoesporte.com/paraíba
 
Goleiro Pantera é o segundo jogador a deixar o Campinense após rebaixamento para Série D (Foto: Divulgação) 
Goleiro Pantera está contudido e é dúvida no Belo
(Foto: Divulgação)
 
O Botafogo-PB tem problemas para o complemento da Copa Paraíba de Futebol. O goleiro Pantera, principal aposta do time para o gol botafoguense, está machucado e ninguém no clube sabe ainda a dimensão da contusão. O atleta já passou por uma radiografia que não acusou nada e nesta quinta-feira deve passar por uma ultrassonografia, mas o Belo já se antecipa e diz que até amanhã deve chegar na Maravilha do Contorno um “goleiro de Série B”.
Segundo o supervisor do Botafogo, Bena Menezes, o clube tem que se antecipar ao problema, já que a Copa Paraíba é uma competição relativamente curta e porque o clube já tem dois compromissos agendados para os próximos sete dias.
- Jogamos contra o Treze no sábado e contra o Sousa na quarta-feira e temos que estar preparados. Porque é aquela coisa: quem só tem dois goleiros no final só tem um na sobra. Precisamos ter três em condição de jogo para não sermos surpreendidos – declara.
Bena diz que Pantera já está fora do jogo de sábado e continua como dúvida para quarta-feira e até mesmo para o resto da Copa Paraíba.
- Só amanhã, após o ultrassom, é que vamos ter certeza da dimensão do problema e de quantos dias ele vai ficar afastado dos gramados. O clube vai dar toda a assistência ao atleta, mas a verdade é que ainda não sabemos se poderemos contar com ele para a competição.
Sobre o reforço do Botafogo para substituir Pantera, Bena garante que se trata de um goleiro que estava na Série B do Campeonato Brasileiro de Futebol, mas não deu detalhes sobre quem é o atleta, de que clube ele vem ou mesmo se ele já jogou como titular na competição nacional.
- Só dizemos o nome do novo goleiro quando ele chegar e assinar contrato. Queremos que isto aconteça até amanhã – finalizou.

Categorias de base do Vôlei de Praia da PB se enfrentam em João Pessoa

No próximo fim de semana atelas das categorias Sub21 e Sub15 disputam mais uma etapa da temporada 2011 do Circuito Paraibano de Vôlei de Praia

Por Kako Marques João Pessoa
 
A nova geração do vôlei de praia paraibano vai se encontrar no próximo fim de semana para as disputas da quinta etapa do Circuito Estadual Sub21 e da segunda etapa do circuito na categoria Sub15. Para os atletas da categoria Sub21 a competição começa no sábado, a partir das 8h no centro de treinamento de vôlei de praia da Federação Paraibana, na praia do Cabo Branco, em João Pessoa. No total, o circuito terá oito etapa até o final da temporada 2011.
As duplas inscritas no torneio vão participar da fase classificatória, que vai selecionar quatro times para a fase final. Outras quatro equipes pré-classificadas pelo ranking estadual esperam na fase decisiva os melhores do qualifying para as disputas do título da etapa.
No domingo, a partir das 8h e também no centro de treinamento, será a vez da categoria Sub15 com a mesma fórmula de disputa, com fases classificatórias e final. O prazo de incrição para as duplas interessadas em participar do Circuito Paraibano de Vôlei de Praia termina na próxima sexta-feira, na conta da rede de relacionamento do Departamento de Vôlei de Praia da Federação Paraibana da modalidade.

do Globoesporte.com/paraíba

Corpo de padre Jerônimo é enterrado em Santa Luzia, PB

Velório aconteceu na Igreja Nossa Senhora do Rosário, em Santa Luzia.
Padre sofria de depressão e estava desaparecido há seis dias.

Do G1 PB

Padre Jerônimo Leopoldino Medeiros Neto (Foto: Divulgação/Paróquia de Santa Luzia) 
Padre Jerônimo foi encontrado morto nesta terça
(Foto: Divulgação/Paróquia de Santa Luzia)
 
O corpo do padre Jerônimo Leopoldino de Medeiros Neto, de 33 anos, que foi encontrado morto nesta terça-feira (27), foi enterrado por volta das 17h40 desta quarta, no cemitério da igreja matriz de Santa Luzia, na região da Borborema paraibana. Depois de passar seis dias desaparecido, o corpo do padre foi encontrado com sinais de enforcamento na zona rural da cidade.

O velório aconteceu na Igreja Nossa Senhora do Rosário e o corpo seguiu em cortejo até a igreja matriz, onde foi celebrada uma missa.
De acordo com o padre Damião Rogério de Almeida Ramos, chanceler da cúria diocesana, o corpo de Jerônimo foi encaminhado, ainda na terça, para Campina Grande para que os exames que devem identificar a causa da morte fossem realizados. Segundo o delegado Elcenho Engel, da delegacia de Santa Luzia, o padre estava com uma corda no pescoço e pendurado em uma árvore.

O padre Jerônimo estava desaparecido desde o último dia 21. Conforme o padre Elias Ramalho, o último contato dele com pessoas conhecidas aconteceu durante um almoço com a família na cidade de Santa Luzia. Segundo a Polícia Civil, os parentes informaram em depoimento que o padre estava afastado de suas funções porque vivia em fase de depressão.

Caldas Brandão, PB, lança edital de concurso público para 181 vagas

Inscrições podem ser feitas em outubro no distrito do Cajá ou pela internet.
Salários variam de R$ 545 a R$ 7 mil.

O município de Caldas Brandão, localizado no Agreste paraibano a cerca de 60km da capital João Pessoa, lançou edital de concurso público com 181 oportunidades de trabalho, entre efetivas e cadastro de reserva. Há vagas para funções de todos os níveis de escolaridade, desde o fundamental incompleto até o superior. Os salários variam de R$ 545 a R$ 7 mil.
As inscrições custam R$ 39,50 para candidatos que tenham estudado até o ensino fundamental, R$ 60,50 para candidatos com nível médio completo e R$ 77 para cargos de nível superior.
São oferecidas vagas para as seguintes funções: agente administrativo, agente comunitário de saúde, agente de combate as endemias, agente de vigilância sanitária, assistente jurídico, assistente social, auxiliar de saúde bucal, auxiliar de serviços gerais, coveiro, digitador, eletricista, enfermeiro, farmacêutico, bioquímico, fiscal de tributos, fisioterapeuta, gari, médico, motorista, nutricionista, odontólogo, orientador educacional, procurador municipal, psicólogo, supervisor educacional, técnico agrícola, técnico em Enfermagem, vigilante e professor.
As inscrições do concurso serão disponibilizadas a partir às 9h do dia 10 de outubro no site da empresa organizadora, a Metta Concursos & Consultoria (www.mettaconcursos.com.br) até as 23h59 do dia 11 de novembro.
Os interessados também poderão se cadastrar pessoalmente de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 12h, em dois locais: na Escola Municipal de Ensino Fundamental Maria Viegas, no Centro da cidade, e na Secretaria Municipal de Educação, localizada na Rua José Alípio de Santana, no distrito do Cajá, no anexo do prédio da Prefeitura Municipal.

Cerca de 70% de crianças envolvidas com bullying sofrem castigo corporal, mostra pesquisa

Brasília - Cerca de 70% das crianças e adolescentes envolvidos com bullying (violência física ou psicológica ocorrida repetidas vezes no colégio) nas escolas sofrem algum tipo de castigo corporal em casa. É o que mostra pesquisa feita com 239 alunos de ensino fundamental em São Carlos (SP) e divulgada hoje (30) pela pesquisadora Lúcia Cavalcanti Williams, da Universidade Federal de São Carlos.
Do total de entrevistados, 44% haviam apanhado de cinto da mãe e 20,9% do pai. A pesquisa mostra ainda outros tipos de violência - 24,3% haviam levado, da mãe, tapas no rosto e 13,4%, do pai. “As nossas famílias são extremamente violentas. Depois, a gente se espanta de o Brasil ter índices de violência tão altos”, disse a pesquisadora, ao participar de audiência pública na Câmara dos Deputados que debateu projeto de lei que tramita na Casa e que proíbe o uso de castigos corporais ou tratamento cruel e degradante na educação de crianças e adolescentes.

Segundo ela, meninos vítimas de violência severa em casa têm oito vezes mais chances de se tornar vítimas ou autores de bullying. “O castigo corporal é o método disciplinar mais antigo do planeta. Mas não torna as crianças obedientes a curto prazo, não promove a cooperação a longo prazo ou a internalização de valores morais, nem reduz a agressão ou o comportamento antissocial”, explicou.

Para a secretária executiva da rede Não Bata, Eduque, Ângela Goulart, a violência está banalizada na sociedade. Ela citou diversas entrevistas feitas pela rede com pais de crianças e adolescentes e, em diversos momentos, frases como “desço a cinta” e “dou umas boas cintadas” aparecem. Em uma das entrevistas, um pai explica que bater no filho antes do banho é uma forma eficiente de “fazer com que ele se comporte”. “Existem pais que cometem a violência sem saber. Acham que certas maneiras de bater, como a palmada, são aceitáveis”, disse.

Atualmente, 30 países em todo o mundo têm leis que proíbem castigos na educação de crianças e adolescentes, entre eles a Suécia e a Alemanha. “A lei é uma forma de o Estado educar os pais”, ressaltou o pesquisador da Universidade de São Paulo Paulo Sérgio Pinheiro.

Como forma de diminuir os índices de violência contra crianças e adolescentes em casa, os pesquisadores sugeriram a reforma legal, com a criação de leis que proíbam esse tipo de violência, a divulgação de campanhas nacionais, como as que já vêm sendo feitas, e a participação infantil, com crianças sendo encorajadas a falar sobre assuntos que lhes afetem. “A principal reclamação das crianças é que elas não aguentam mais serem espancadas pelos pais”, destacou Pinheiro.

Fonte: Agência Brasil. Por Priscilla Mazenotti, Repórter da Agência Brasil
Edição: Graça Adjuto
http://www.obscriancaeadolescente.gov.br/

Advogado do Campinense promete entrar com recurso no STJD na sexta

Carlos Francisco Portinho diz que apesar do voto contrário dos auditores, todos foram unânimes em dizer que 'nesse angu tem caroço'

Por GLOBOESPORTE.COM Campina Grande
 
Carlinhos Bala  Fortaleza julgamento (Foto: Edgard Maciel de Sá/Globoesporte.com) 
Carlinhos Bala, fo Fortaleza, foi quem levou maior
pena (Foto: Edgard Maciel de Sá/Globoesporte.com)
 
O advogado Carlos Francisco Portinho, que representa o Campinense na ação movida contra o Fortaleza no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), garantiu na tarde desta quarta-feira que o clube vai recorrer ao tribunal pleno da entidade para tentar anular a partida entre Fortaleza e CRB, vencida por 4 a 0 pelos cearenses e que culminou com o rebaixamento da Raposa à Série D do Brasileirão.
Para o advogado, mesmo nos votos contrários ao pedido apresentado pelo rubro-negro os auditores deram a entender que os fatos precisam de mais investigações.
- Embora o resultado não tenha atingido o nosso objetivo, a votação foi bastante apertada e nós já vemos isso como um bom sinal. É um caso complicado, que só se decide no pleno. Os cinco auditores entenderam, e disseram, que “nesse angu tem caroço”. Agora vamos partir para a análise dos votos e esperar uma decisão favorável em segunda instância – comentou o advogado.
Carlos Portinho disse ainda que no final desta semana deve apresentar o pedido para que o recurso do Campinense seja apreciado pelo pleno do STJD.
- Nós estamos entrando com o recurso na próxima sexta-feira. Assim que o relator analisar o recursos nós apresentaremos à corte as razões que nos motivaram a apelar para o pleno – acrescentou Portinho.
O Fortaleza se livrou e quem levou a maior punição foi o atacante Carlinhos Bala. O atleta foi suspenso por seis partidas oficiais e ainda vai ter que pagar uma multa de R$10 mil.

Botafogo-PB comemora 80 anos de história nesta quarta-feira

Para celebrar a data, diretoria realiza um café da manhã, na sede do clube e uma missa de ação de graças, na Catedral Nossa Senhora das Neves

Por Larissa Keren João Pessoa, Paraíba
 
O Botafogo-PB está fazendo 80 anos de história nesta quarta-feira. Para celebrar essa data importante, a diretoria programou várias atividades. A comemoração começa as 8h com um café da manhã para os diretores, torcida e conselheiros na Maravilha do Contorno. Na oportunidade, a diretoria do Belo irá entregar as obras feitas na sede do clube. Mas o ponto alto vai ser às17h em uma Missa de Ação de Graças na Catedral das Neves. No sábado, haverá também uma homenagem ao alvinegro de João Pessoa antes do jogo contra o Treze, que está previsto para iniciar às 16h, no Estádio Almeidão, válido pela Copa Paraíba Sub-21.
Sala de troféus do Botafogo mostra um passado glorioso (Foto: Divulgação)Sala de troféus do Botafogo mostra um passado glorioso (Foto: Divulgação)
Quem vê o Botafogo de hoje com sede própria e participando de competições estaduais, nem imagina que o começo do clube foi em uma casa pequena no bairro do Roger, que era do seu fundador, Beraldo de Oliveira. Ele jogava no time amador de um jornal de circulação na cidade, quando brigou com a diretoria do clube e criou uma nova equipe. Segundo o assessor do Belo, Raimundo Nóbrega, Beraldo colocou o nome de Botafogo em provocação aos diretores do seu antigo time.
Beraldo de Oliveira, primeiro presidente do Botafogo (Foto: Divulgação) 
Beraldo de Oliveira, primeiro presidente do Belo
(Foto: Divulgação)
- Beraldo quis um nome de impacto, um nome para provocar os diretores do antigo time. Então ele colocou Botafogo porque queria botar lenha na fogueira, botar fogo na briga e não em homenagem ao clube do Rio de Janeiro, como muitos pensam – declarou.

Desde a fundação em 28 de setembro de 1931 o Belo acumulou títulos. Foi 27 vezes campeão paraibano, ficou na terceira colocação da Série B por duas vezes (1981 e 1984) e também por duas vezes na mesma colocação na Série C (1984 e 2003).
Mas o jogo inesquecível para vários dos seus torcedores foi o que o Botafogo ganhou do Flamengo de Zico por 2 a 1, em 1980. O vice diretor administrativo do Belo, Sérgio Meira, destacou essa partida lembrando que houve uma grande festa em João Pessoa depois da vitória.
- O Bota disputava a primeira divisão do Campeonato Brasileiro de 1980. Ele foi jogar no Maracanã contra o Flamengo de Zico e ganhou por 2 a 1. Neste dia teve até carreata em João Pessoa, foi uma grande festa alvinegra - declarou.
Vários atletas de peso também passaram pelos quadros do clube. Como o paraibano Edmundo, que jogou no Cruzeiro; Geovane, que jogou na Seleção Brasileira; Esquerdinha, que foi campeão mundial pelo Porto, de Portugal, entre outros.

Dono de uma torcida apaixonada, o Botafogo deve o apelido de Belo justamente a um torcedor, o Antônio Abreu e Lima. De acordo com o assessor do clube, na comemoração de um gol, Tonico, como era conhecido, gritou a palavra Belo e o resto da torcida o acompanhou. Desde então, o Botafogo passou a ser chamado também por esse nome.
Maria José companha o Belo desde quando o clube ainda era amador (Foto: Larissa Keren) 
Maria José acompanha o Belo desde quando o clube
ainda era amador (Foto: Larissa Keren)
Uma torcedora que viu grande parte destes acontecimento foi dona Maria José, de 75 anos. Ela acompanha o time desde que ele treinava em campos de várzea e em nome da paixão pelo Bota viajou para vário estados do Brasil, como Rio Grande do Norte, Pernambuco, Bahia e Rio de Janeiro.
- Acompanho o Botafogo desde quando ele jogava em campo de pelada. Já fui acompanhando o time para Salvador, Natal, Recife e Rio de Janeiro, o Belo já me deu muitas alegrias – declarou.
O Botafogo atualmente está disputando a Copa Paraíba. No último domingo ele estreou com uma derrota por 2 a 0 para seu rival, o Auto Esporte. No próximo sábado, o clube alvinegro enfrenta o Treze pela segunda rodada da competição, que vale vaga para a Copa do Brasil de 2012.

G1 Paraíba

VISITANTES

busca no blog