Páginas

Amigos de Caaporã

SHOPPING LUX MAGAZINE

terça-feira, 24 de agosto de 2010

Tricampeões Mundiais estão na PB


Seleção brasileira de futebol de 5 para cegos desembarcou no Rio de Janeiro. Cinco são paraibanos - Antonio de Pádua (assistente técnico), Bill, Damião Robson, Fábio Luis e Marquinhos. 
 
Os heróis do tricampeonato da seleção brasileira de futebol de 5 para cegos desembarcaram no Aeroporto Internacional Antônio Carlos Jobim, no Rio de Janeiro. Na bagagem, além do caneco do título conquistado sobre a Espanha no último domingo, 22, na Inglaterra, a vaga garantida para as Paraolimpíadas de Londres 2012. Os atletas foram recebidos por amigos e parentes no aeroporto.
Aos 20 anos, o atacante brasileiro Jeferson Gonçalves, o Jefinho, foi eleito o melhor jogador do Mundial. No desembarque, o jogador não conseguia conter a ansiedade em fazer a conexão e voar para casa na Bahia.
“O objetivo maior, que era o título para o Brasil, foi conquistado. Desde março que lutamos todos os dias para chegar ao tricampeonato mundial e estou muito feliz. Voltar para casa, campeão e eleito o melhor jogador da competição, é muito especial. Agora é comemorar. Minha família me avisou que a festa vai ser grande para comemorar o título”, disse Jefinho.
Apesar de o favoritismo, a equipe brasileira teve como ponto principal os cinco meses de treinos e concentrações a vaga paraolímpica.
“Mais importante do que o título é ter a vaga para os Jogos Paraolímpicos de Londres 2012 garantida. Isto nos dá tranquilidade para trabalhar. A seleção neste mundial foi capaz, eficiente, raçuda, não perdemos nenhum jogo, tomamos apenas um gol e provamos que todo planejamento foi muito eficiente”, disse o treinador Ramon Pereira.
O treinador ressaltou que tranquilidade não pode ser confundida com menos trabalho.
“A vantagem que temos no momento é de não ter a necessidade de lutar pela vaga e isto nos dá a possibilidade de integrar atletas mais jovens ao grupo. Esta seleção é espinha dorsal da equipe que representará o país em 2012, até porque estamos a apenas dois anos das Paraolimpíadas”, afirmou Ramon.

Fonte:  Soesporte/CPB

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários sobre as publicações nesse blog passarão pelo moderador e só publicaremos comentários de pessoas que estiverem devidamente identificadas e que não denigram a imagem de outrem.

VISITANTES