Páginas

Amigos de Caaporã

SHOPPING LUX MAGAZINE

quinta-feira, 21 de janeiro de 2010

225 vagas destinadas a Prefeitura de Alhandra - PB

A Prefeitura de Alhandra, Estado da Paraíba, sob a responsabilidade da Fundação Allyrio Meira Wanderley (www.famw.com.br), divulga a abertura de inscrição para realização de Concurso Público e Processo Seletivo Público, para recrutamento e seleção de 225 candidatos.
Dos Cargos:
  • Nível Superior: Analista de Planejamento e Orçamento (1), Assistente Social (1), Enfermeiro Plantonista (7), Farmacêutico (1), Fisioterapeuta (1), Médico Plantonista (5), Nutricionista (1), Professor da Educação Fundamental 2 - Artes (1), Professor da Educação Fundamental 2 - Ciências (4), Professor da Educação Fundamental 2 - Educação Física (1), Professor da Educação Fundamental 2 - Geografia (4), Professor da Educação Fundamental 2 - História (4), Professor da Educação Fundamental 2 - Língua Portuguesa (5), Professor da Educação Fundamental 2 - Matemática (5), Psicólogo (1), Supervisor Escolar (1);
  • Nível Médio: Agente Administrativo (4), Digitador (1), Monitor (7), Professor da Educação Fundamental 1 (30), Professor da Educação Infantil (20), Técnico em Enfermagem Plantonista (7), Técnico em Radiologia (1);
  • Nível Fundamental: Agente Comunitário de Saúde (11), Agente de Combate às Endemias (11), Assistente Administrativo (21), Motorista (6);
  • Nível Alfabetizado: Auxiliar de Serviços Gerais (40), Vigia (23).
As Inscrições poderão ser efetuadas no período de 20 de janeiro a 3 de fevereiro de 2010, (exceto sábado e domingo), no horário das 8h00 às 12h00 e das 13h00 às 17h00 na Biblioteca Pública Municipal - Avenida João Pessoa, nº 457 - Centro.
O valor da taxa de inscrição será de R$ 60,00 para cargos de Nível Superior, de R$ 40,00 para cargos de Nível Médio e Fundamental, e de R$ 30,00 para cargos de Nível Alfabetizado, devendo ser efetuado até a data do vencimento.
Para confirmação da inscrição, na qual estará especificando o horário, local e sala de realização da Prova Escrita, o candidato deverá acessar o site da Organização ou através de cartazes afixados na sede da Prefeitura e Câmara Municipal de Alhandra.
O Concurso Público constará de Prova Objetiva de caráter classificatório e eliminatório para todos os cargos, e de Prova de Títulos de caráter classificatório para os cargos do Grupo Magistério.
  • As Provas Objetivas serão realizadas na data provável de 21 de março de 2010, no horário das 9h00 às 13h00 e/ou das 14h00 às 18h00.
O certame terá validade pelo prazo de 2 anos, a contar da data de sua publicação e de sua homologação no Diário Oficial, podendo ser prorrogado a critério da Administração Pública Municipal.

Links

Consciência Cristã 2010 têm mais de 20 apresentações

A Visão Nacional para a Consciência Cristã – Vinacc inseriu na programação do XII Encontro para a Consciência Cristã mais de 20 apresentações musicais, incluindo cantores, corais e bandas conhecidas no Brasil e na região.


O público da Consciência Cristã 2010, evento que acontece de 10 a 16 de fevereiro, no Parque do Povo, Centro de Campina Grande, vai receber um leque de cantores dos mais variados estilos durante as sete noites do evento.

Entre as novidades para 2010 estão os cantores Lília Paz e Marcelo Santos, ambos do Rio de Janeiro. Eles são conhecidos em todo o país, e já têm diversos CDs gravados estão participando do evento pela primeira vez.

Esse ano, uma grande novidade entre os cantores da Consciência Cristã é o Ministério Visão Cristocêntrica, grupo formado por pessoas de várias denominações evangélicas de Campina Grande. Esse grupo foi fundado já com o objetivo de cantar unicamente no Encontro Para a Consciência Cristã.

Além desses, também estarão na 12ª edição do Encontro os cantores: Socorro Telles - CG/PB; Cristiano Borges - CG PB; AD Souto - CG/PB; Sal da Terra – PE; Tenda do Encontro - CG/PB; Banda Kaléo - CG/PB; Banda Êxodo - CG/PB; Orquestra Átrios de louvor - CG/PB; Coral Silvino Silvestre - CG/PB; Coral Sarah Kaley- CG/PB; Coral Robert Kaley - CG/PB; Banda Só pra Glorificar - CG/PB; Coral João Clímaco Ximenes - CG/PB ; Elisama Custódio - CG/PB; Zé Claudinho - CG/PB; Coral da Igreja Cristã de Nova Vida - CG/PB; Bandinha Unidos pela Fé - CG/PB; Atalaias do Senhor - CG/PB; Banda Renascer - CG/PB e o Coral da Igreja Presbiteriana Renascer - CG/PB.

O Encontro para a Consciência Cristã ainda conta com mais de 20 eventos paralelos, mais de 30 preletores e mais de 90 palestras. Toda participação no evento é gratuita e aberta para o público em geral.


Assessoria com PBAGORA (http://www.pbagora.com.br/)

Estado registra queda de quase R$ 30 mi no FPE

Finanças calculava repasse em R$ 163 milhões, mas o valor foi reduzido para R$ 137 milhões


O Governo do Estado vai conviver neste primeiro mês do ano com uma previsão de queda de transferência do Fundo de Participação dos Estados (FPE) em torno dos R$ 26 milhões. É o que se constata nos registros da Secretaria das Finanças do Estado, que nesta quarta-feira (20) recebeu a segunda parcela da cota mensal, conforme o secretário Marcos Ubiratan Guedes Pereira, do repasse feito pela Secretaria do Tesouro Nacional (STN).

A cada mês são repassadas três parcelas do Fundo de Participação dos Estados, e a previsão da Secretaria das Finanças era de que agora em janeiro o montante repassado chegasse a R$ 163.553 milhões. Mas a Secretaria do Tesouro Nacional prevê que o montante será reduzido para R$ 137 milhões. “Portanto, uma previsão de redução de R$ 26 milhões”, explicou o secretário Marcos Ubiratan.

Durante este mês, já foram repassados ao Governo do Estado duas parcelas: a primeira no dia 10, no valor de R$ 60.775 milhões, e a outra, neste dia 20, de R$ 23.889 milhões. A terceira será transferida no próximo dia 31.

Conforme os registros da Secretaria das Finanças estadual, também se verifica uma queda em relação ao mês de janeiro de 2009, que foi de R$ 177.755 milhões para R$ 137.000 milhões em janeiro deste ano, existindo portanto uma diferença de R$ 40 milhões.

O secretário Marcos Ubiratan acredita que nem por isso a administração estadual deve ficar preocupada, mas cautelosa ainda quanto aos valores que estão sendo repassados pela STN. “Não se imaginava que fosse ocorrer uma queda no FPE no mês de janeiro, porque neste mês a cota sempre é boa”, afirmou.

Secom

quarta-feira, 20 de janeiro de 2010

TEIXEIRA: Contas permanecem bloqueadas

ASSESSORIA DE IMRENSA DO TCE – 20 01 10


Apenas uma Prefeitura, a de Teixeira, sofre o bloqueio de suas contas bancárias, depois que o vice-presidente do Tribunal de Contas do Estado, conselheiro Fernando Catão (no exercício da Presidência), liberou, nesta quarta-feira (20), as da Prefeitura de Santa Inês e as das Câmaras Municipais de Araruna e Igaracy.

“Já fomos informados de que a situação, em Teixeira, não persiste por má vontade e, sim, em razão do fato de que a única pessoa capacitada para cuidar do problema está viajando. Veremos, então, como resolver isso”, observa o conselheiro.
Determinados no último dia 11, em decorrência do conflito de informações entre os valores empenhados a título de pagamento salarial e os das folhas de pessoal encaminhadas ao TCE, os bloqueios das contas bancárias atingiram 48 Prefeituras e 11 Câmaras. As liberações ocorreram, desde então, à medida que os problemas foram resolvidos por prefeitos e vereadores.
--------------------------------------------------------------------------------
Autor: Frutuoso Chaves - ASCOM/TCE

Alhandra: adiado o exame das contas de 2007

O Tribunal de Contas do Estado reduziu para R$ 512 mil, em grau de recurso, o valor do débito de R$ 726 mil imputado ao ex-prefeito de Sapé José Feliciano Filho, em novembro de 2005, data em que ele teve as contas de 2002 reprovadas em razão, sobretudo, de saldo a menor na conta do Fundef.


Cuidando, nesta quarta-feira (20), da própria defesa em recurso de reconsideração, o ex-prefeito pediu prazo de mais alguns dias para entrega de documentos que, segundo supõe, solucionarão por completo o problema. O TCE negou-lhe o pedido, conforme voto do relator José Mariz, mas fez ver ao ex-prefeito que ele pode interpor recurso de revisão, instrumento legal a que ainda tem direito. José Feliciano disse que assim fará. O voto do relator deu-se conforme parecer do Ministério Público ratificado pelo procurador geral Marcílio Toscano Franca Filho.

Na mesma sessão plenária o Tribunal aprovou as contas de 2007 do ex-gestor da Cehap Rubens Falcão da Silva Neto (no cargo por apenas 17 dias) e, ainda, as de Maria do Socorro Gadelha Campos de Lira, que administrou esse órgão por quase todo o exercício. A aprovação, neste caso, deu-se com ressalvas decorrentes de gastos não licitados, o que valeu à ex-gestora multa de R$ 2.805,10, conforme voto do conselheiro substituto Marcos Costa. Ela tem direito a recurso.

APROVAÇÕES - Tiveram suas contas aprovadas as Câmaras Municipais de Serra Branca, Igaracy, Piancó, Poço Dantas, Aguiar e São Domingos do Cariri, processos que tiveram as relatorias dos conselheiros José Mariz (o primeiro), Umberto Porto (os quatro seguintes) e Marcos Costa (o último).

No exercício da presidência do TCE e, portanto, no da sessão plenária, o conselheiro Fernando Catão propôs que fossem adiados os julgamentos dos processos que o têm como relator, entre eles o das contas de 2006 do Gabinete do Vice-Governador. Também sofreram adiamentos para a próxima sessão os exames das contas de 2007 das Prefeituras de Alhandra e Cajazeirinhas, da Secretaria de Administração Penitenciária (2008) e da Câmara de Bayeux (2006), a pedido dos relatores.

Fonte: ASCOM/TCE

Pitimbu: Concurso já causa dores de cabeça a candidatos

Apesar de o concurso público de Pitimbu ainda não ter sido realizado, já vem causando muitas dores de cabeça aos candidatos. Após a abertura do edital, um número muito considerável de pessoas se inscreveram para realização das provas, mas no site da educapb (http://www.educapb.com.br/), empresa responsável pelas inscrições e realização do concurso, foi publicado o seguinte aviso:
AVISO AOS CANDIDATOS


Devido as problemas em nossa base de dados, as inscrições dos concursos de Juarez Távora, Pimtibu e Bonito de Santa Fé com numeração a partir de 0000892 foram canceladas. Todos os candidatos que se inscreveram em um desses concursos no dia 04/01/2010 e tiveram o número de pré-inscrição a partir do número mencionado, terão que refazer suas inscrições. Para aqueles que já pagaram o boleto bancário, deverão enviar seu comprovante de pagamento juntamente com seus dados completos (os mesmos dados do formulário de inscrição) para o email inscricoes@educapb.com.brEste endereço de e-mail está protegido contra spam bots, pelo que o Javascript terá de estar activado para poder visualizar o endereço de email . (http://www.educapb.com.br/index.php?option=com_content&task=view&id=13&Itemid=28)

Com isto, começou uma corrida contra o tempo para refazer as inscrições, o que causou congestionamento no site e muitos candidatos não conseguiram a tempo, outros não sabendo desta informação nem chegaram a refazer a inscrição. Depois de refazer as inscrições e enviar os dados de pagamento do boleto, foi informado um telefone que seria para entrar em contato com a empresa responsável, mas infelizmente os candidatos ainda não conseguiram entrar em contato com a mesma. Esperamos que estes inconvenientes nmão venham a macular a seriedade e validade do concurso que, segundo alguns candidatos com quem a redação deste blog conversou, questionará na justiça caso se sinta prejudicado.

da Redação.

REDUÇÃO NO REPASSE DA CÂMARA DE CAAPORÃ GERA ECONOMIA DE QUASE MEIO MILHÃO DE REAIS POR ANO PARA OS COFRES DA PREFEITURA.

Com a aprovação da PEC 379/09 pela a Câmara e o Senado em setembro do ano passado, a partir deste ano, as Câmaras de vereadores de todo o país tiveram uma drástica redução nos seus duodécimos, no caso específico de Caaporã a redução foi de cerca R$ 35.000,00 (trinta e Cinco Mil Reais) por mês.


Para tratar deste assunto o presidente Aremilson reuniu na manhã de hoje vereadores das bancadas da situação e oposição quando foi demonstrada a nova realidade e a imprescindível necessidade de redução de gastos, sobretudo com a Folha de Pagamento, em função do limite de 60% imposto pela Lei de Responsabilidade Fiscal.

Entre as medidas adotadas, a redução de assessorias, limitando a apenas uma por vereador, com salário de pouco mais de R$ 500,00 (Quinhentos Reais) será a mais sentida pelos vereadores da situação que detinha em média 3 assessorias, mas ainda lhes resta o consolo de poderem contar a “ajuda” da Prefeitura. Para os vereadores de oposição que sempre tiveram somente uma assessoria, pra cada, embora a legislação determine 3 vê na medida um impedimento para exigirem da Mesa Diretora a correção desta distorção que ocorreu durante todo o ano de 2009.

Já a Prefeitura não tem o que reclamar uma vez que será altamente beneficiada. Considerando-se uma economia média de R$ 35.000,00 (Trinta e Cinco Mill Reais) por mês, multiplicada por 36 meses faltantes, da atual gestão, chega-se a vultosa quantia de R$ 1.260.000,00 (Hum Milhão Duzentos e Sessenta Mil Reais), recursos suficientes para construir 84 casas populares de R$ 15.000,00 por exemplo.

Cabe a população e mais ainda aos vereadores cobrarem da Administração a reversão desses recursos, em benefício da sociedade, transformando-os em obras e ações que venha de fato trazer beneficio reais e não apenas propaganda de jornal e televisão.
 
 

terça-feira, 19 de janeiro de 2010

Alhandra: Contas da prefeitura serão apreciadas hoje pelo TCE


A pauta de julgamentos do Tribunal de Contas do Estado contém, nesta quarta-feira (20), processos relacionados às contas de 2006 e 2007 do Gabinete do Vice-Governador, da Companhia Estadual de Habitação Popular (exercício de 2007) e da Secretaria de Administração Penitenciária (2008).


Também, as contas de 2007 do prefeito de Alhandra (José Carvalho da Silva) e Cajazeirinhas (José Almeida Silva). Compõem, ainda, a mesma pauta as das Câmaras Municipais de Bayeux (2006), Igaracy, Piancó e São Domingos do Cariri (2007), as de Aguiar e Poço Dantas (2008) e as do Consórcio Intermunicipal de Saúde do Cariri Ocidental (2007).

A sessão plenária do TCE será conduzida pelo vice-presidente Fernando Catão, no exercício da presidência em razão de viagem do titular do cargo Nominando Diniz a Belém e Manaus, de onde estará retornando sexta-feira (22).


TCE

Prefeituras se livram do bloqueio de contas

Mais 4 Prefeituras se livram do bloqueio de contas


As Prefeituras de Aguiar, Gado Bravo, São José de Espinharas e Serra Redonda conseguiram, nesta terça-feira (19), a liberação de suas contas bancárias após a correção de divergências entre valores empenhados a título de pagamento de salários e as folhas de pessoal apresentadas ao Tribunal de Contas do Estado. Apenas duas delas – as de Santa Inês e Teixeira – não solucionaram o problema até agora, motivo pelo qual permanecem sujeitas ao bloqueio. O mesmo acontece, até este momento, com as Câmaras Municipais de Araruna e Igaracy.

Determinados na segunda-feira, dia 11, em razão do conflito de informações entre os valores dos empenhos e os das folhas salariais, os bloqueios das contas bancárias atingiram 48 Prefeituras e 11 Câmaras. As liberações ocorrem, desde então, à medida que os problemas são resolvidos por prefeitos e vereadores.


Assessoria

sábado, 16 de janeiro de 2010

TC já libera 32 contas de Prefeituras e seis Câmaras

O presidente do Tribunal de Contas do Estado, conselheiro Nominando Diniz, determinou, nesta quinta-feira (14), o desbloqueio das contas bancárias de mais nove Prefeituras e quatro Câmaras Municipais. Com isso, já são 32 as Prefeituras e seis as Câmaras de Vereadores com suas contas liberadas pelo TCE.


Nessa segunda remessa de ofícios ao Banco do Brasil, estabelecimento que tem a guarda do Fundo de Participação dos Municípios, o conselheiro autorizou a movimentação dos saldos das Prefeituras de Barra de São Miguel, Cajazeiras, Carrapateira, Cuité de Mamanguape, Juazeirinho, Lagoa Seca, Mamanguape, Quixaba e Salgadinho. Também, das Câmaras de Baía da Traição, Bayeux, Catingueira e Curral de Cima.

O bloqueio, determinado na segunda-feira (11), atingiu 48 Prefeituras e 11 Câmaras e decorreu do conflito de informações entre os valores empenhados a título de pagamento salarial e a folha do funcionalismo que prefeitos e vereadores apresentaram ao TCE. As liberações ocorrem à medida que elas vão corrigindo o problema.

Assim duas Câmaras e 23 Prefeituras tiveram suas contas desbloqueadas na quarta-feira (13), data da primeira remessa de ofícios do conselheiro Nominando Diniz à Superintendência Estadual do BB.

Nesta quinta-feira (14), continuam impedidas de movimentar suas contas bancárias as Prefeituras de Aguiar, Caldas Brandão, Conde, Coremas, Gado Bravo, Malta, Massaranduba, Pilões, Riachão do Bacamarte, Santa Inês, Santa Rita, São José de Espinharas, Serra Grande, Serra Redonda e Teixeira. E, também, as Câmaras de Araruna, Igaracy, Livramento, Monte Horebe e Nova Floresta.

Fonte: ASCOM/TCE-PB

quarta-feira, 13 de janeiro de 2010

Quando deixamos de pensar no coletivo?

A Paraíba assiste de forma triste os seguidos episódios da nossa política, onde o ódio, o rancor, e a deslealdade é vivida realmente.


Nos últimos meses nós meros eleitores ficamos a nos perguntar para que serve o voto? Será que os grandes mestres da política já se resolveram? Quem vai apoiar quem? E eu vou votar em Quem?

É prudente que eles se lembrem que no dia da eleição é só o eleitor e a urna. O Povo não suporta mais viver dentro de currais eleitorais ou debaixo das asas de A, B ou C.

Precisamos de lideranças e não ditadores, precisamos das instituições partidos e não de empresas privadas na política.

Pense!

José Alves
(josealves@pbnews.com.br) DO PBNEWS

Quando perdemos a razão?

Uma propaganda de Tv sobre política mostrava o diálogo entre um senhor idoso e um jovem comentando sobre a política no país na época do coronelismo, quando existia os chamados "votos de cabresto". De uma forma bem humorada a propaganda mostrava o senhor contando a seguinte piada:

"Depois de votar em uma eleição, o coronel voltava pra sua fazenda trazendo consigo os seus peões que ele levara para votar. No caminho um dos peões perguntava: Patrão, em quem agente votou mesmo? Ao que o patrão respondia: O voto é secreto!."

Hoje, com a segurança da urna eletrônica, os coronés já quase não existem e os votos realmente são "secretos". Sim, secretos até certo ponto. Manifestamos as nossas preferências no tocante a candidatos de nossa cidade, estado e país. E com isso, acabamos por ferir este que deveria ser a máxima da política, o voto secreto.

Durante o período de campanha politica, os candidatos tentam nos convencer de que são os melhores para governar, para nos representar nas câmaras do país. Mas, o que eles mais fazem, na maioria das vezes é negociar o preço do voto do eleitor. Neste caso, consciente de que os políticos nada farão para tornar melhor a nossa realidade, muitos de nós perdem a razão e negociam o seu voto a preços que nunca vão pagar pelos estragos causados pelos maus políticos espalhados por nosso país.

Ficamos indignados quando vemos cenas chocantes na TV de negociatas sujas de mensalões, dinheiro escondidos em cuecas, calcinhas, sutiãs e agora até meias. São imagens fortes que nos dizem que somos não existem mais pessoas honestas no meio político. Não nos culpamos por isso. Tudo, menos nos culpar. Mas, quem votou? Quem vendeu o voto, para poder eleger os mestres da corrupção nacional? Em um país onde a impunidade é marca registrada, onde corrupção é sinônimo de políticos, injustiça é realidade para todos, não devemos esperar que após tantos anos de uma cultura coronelista e de votos de cabrestos, isto fosse mudar agora. Quando perdemos a razão? Quando abrimos mão de votar consciente.

Executiva Nacional do PSDB dará última cartada para entendimento na PB

O ex-governador Cássio Cunha Lima (PSDB) se reúne nesta quinta-feira (14), em Recife, com o presidente nacional do partido, senador Sérgio Guerra. Utilizando o twitter como o seu porta voz oficial, antes do encontro com a cúpula, Cássio fez questão de mandar um recado para os adversários dentro do partido:

“Tenho disciplina partidária, mas não abro mão de pensar e opinar”.

Cássio sustenta a tese da defesa da candidatura do prefeito Ricardo Coutinho (PSB) ao governo do Estado. Já o senador Cícero Lucena, que preside o partido no âmbito estadual defende uma candidatura tucana e a viabilidade de um palanque nacional para o presidenciável José Serra.

No início desta semana tanto Cássio, quanto o próprio Cícero Lucena resolveram “quebrar o silêncio” sobre as negociações do apoio tucano na sucessão estadual. Entre bate e rebate, os pontos de vista foram postos na mesa. O desfecho sobre o rumo deverá ter início na reunião de amanhã, mas o mais provável é que apenas nas convenções, no meio do ano, é que se tenha uma decisão definitiva.

As declarações de apoio do ex-governador Cássio Cunha Lima (PSDB) à candidatura do socialista Ricardo Coutinho explicitou os conflitos internos do PSDB. Durante a entrevista, Cássio afirmou ter o aval da executiva tucana nacional para defender o projeto do PSB, e sinalizou sobre uma reunião marcada para amanhã (14) com o presidente do partido, senador Sérgio Guerra.

Por outro lado, Cícero Lucena (PSDB) negou aval da executiva nacional, e revelou na tarde de hoje (13), através do assessor Maurílio Batista, que o senador Sérgio Guerra, por telefone, marcou uma reunião particular com o parlamentar, antes do encontro com Cássio e demais líderes da legenda.

Cícero acredita que a reunião será importante para esclarecer a composição de um palanque para José Serra na Paraíba. O senador defende que durante a próxima campanha o PSDB tenha um palanque próprio para receber o presidenciável.


Fonte: Assessoria



Cássio, RC e Efraim e Cícero vão ao sertão da Paraiba

As agendas do ex-governador Cássio Cunha Lima (PSDB), do senador Efraim Morais (DEM) e do prefeito de João Pessoa Ricardo Coutinho (PSB) voltam a coincidir nesta semana. Depois de terem participado juntos de evento em Pedra Lavrada e em Itaporanga, o cenário do novo encontro será o sertão paraibano.


O trio foi convidado para participar da Festa do padroeiro do município de São Sebastião do Umbuzeiro, que começou ontem, segunda-feira (11) e vai até o próximo dia 20 de janeiro.
Mesmo com uma semana de festa, a informação é que o trio fará com que a data da visita seja a mesma.

O senador Cícero Lucena também confirmou presença no evento. Por ter obrigações políticas e administrativas, a visita de Cícero deverá acontecer na sexta-feira (15) ou até mesmo no sábado (16). O senador também confirmou presença em Monteiro, para prestigiar o Festival da Cultura Popular de Monteiro – Zabé da Loca.

Chico César confirma participação em Festival de Cultura Popular do Cariri Paraibano

O cantor e compositor Chico César confirmou participação especial na abertura do Festival de Cultura Popular do Cariri Paraibano, que tem início na próxima quarta-feira (13), no município de Monteiro. Também já confirmaram suas presenças os artistas Flávio José, Novinho da Paraíba, Dejinha de Monteiro e Luciene Melo.

Chico César nasceu no interior da Paraíba, formou-se em jornalismo e ficou nacionalmente conhecido após gravar a música Mama África, tendo participado nos principais programas de televisão do país. Além de artista, é atualmente presidente da Funjope - Fundação Cultural de João Pessoa.

O Festival de Cultura Popular é uma realização da Prefeitura Municipal de Monteiro, com patrocínio do Banco do Nordeste e Governo Federal, tendo como parceiros Sebrae, projeto Vínculus, Embrapa, projeto Dom Helder e IPHAN.

EMPRESA ORGANIZADORA DO CONCURSO DE PITIMBÚ CONVOCA CANDIDATOS A REFAZER INSCRIÇÕES

AVISO AOS CANDIDATOS


Devido as problemas em nossa base de dados, as inscrições dos concursos de Juarez Távora, Pimtibu e Bonito de Santa Fé com numeração a partir de 0000892 foram canceladas. Todos os candidatos que se inscreveram em um desses concursos no dia 04/01/2010 e tiveram o número de pré-inscrição a partir do número mencionado, terão que refazer suas inscrições. Para aqueles que já pagaram o boleto bancário, deverão enviar seu comprovante de pagamento juntamente com seus dados completos (os mesmos dados do formulário de inscrição) para o emailinscricoes@educapb.com.br.

Contas da Prefeitura de Caaporã são desbloqueadas pelo TCE

TCE desbloqueia contas bancárias de 23 Prefeituras e 2 Câmaras

Vinte e três Prefeituras e duas Câmaras Municipais já podem movimentar as contas bancárias bloqueadas, na última segunda-feira (11), em razão de diferenças entre os valores empenhados a título de pagamento de salários e os das folhas de pessoal apresentadas ao Tribunal de Contas da Paraíba.


Informado pela Divisão de Auditoria, da solução do problema, o presidente do TCE, conselheiro Nominando Diniz, tratou do desbloqueio dessas contas, no início do expediente desta quarta-feira (13), em ofícios à Superintendência Estadual do Banco do Brasil, estabelecimento que tem a guarda do Fundo de Participação dos Municípios.

Desse modo, o TCE já desbloqueou as contas bancárias das Prefeituras de Assunção, Belém do Brejo do Cruz, Caaporã, Cacimba de Areia, Caiçara, Cajazeirinhas, Campo de Santana, Catingueira, Diamante, Juazeirinho, Juru, Mãe D’água, Nova Palmeira, Pedra Lavrada, Pilar, Riacho dos Cavalos, Salgado de São Félix, Santa Cecília, Santo André, São Bentinho, São José dos Ramos, Serra da Raiz e Tavares. Também, as das Câmaras Municipais de Emas e Riachão.

Fonte; ASCOM/TCE

terça-feira, 12 de janeiro de 2010

Manoel Júnior reitera que governador cassado está inelegível

O deputado federal Manoel Júnior (PMDB) disse não ter nenhuma dúvida que o governador cassado Cássio Cunha Lima (PSDB) se tornará inelegível, cuja decisão final, de acordo com a sua avaliação, deverá ocorrer no julgamento deste ano do processo que trata do caso da Paraíba sobre o pedido de novas eleições no Estado. O processo está para ser julgado no Supremo Tribunal Federal (STF).


“Quando ninguém acreditava, eu afirmei que o governador (Cássio) de então seria cassado pelo Tribunal Superior Eleitoral, no rumoroso caso da compra de votos nas eleições de 2006, quando mais de 35 mil cheques foram distribuídos na campanha a reeleição do ex-governador da Paraíba”, ressaltou Júnior.

O deputado Manoel Júnior adiantou que quando o processo transitar em julgado o ex-governador Cássio Cunha Lima será considerado inelegível por três anos, já que a condenação da perda do mandato começa a contar a partir do último julgamento. “Portanto, do dia 17 de fevereiro de 2009 em diante”, reiterou.

Caso se confirme as previsões de Manoel Júnior, que já havia cantado a bola no caso da cassação do ex-governador ano passado, Cássio estará alijado da disputa deste ano e também das eleições municipais de 2012

Cícero fala de 'sacanagem' e em bater chapa com Cássio

Embora se declarando empenhado numa solução pacífica dentro do seu partido, o senador Cícero Lucena (PSDB) disse que está disposto a bater chapa na convenção partidária tucana com o ex-governador Cássio Cunha Lima se porventura for verdadeiro o propósito anunciado por ele, de ir à consulta partidária com a proposta de os tucanos apoiarem a candidatura de Ricardo Coutinho (PSB) à sucessão do governador José Maranhão (PMDB).

Questionado a respeito durante entrevista que concedeu nesta terça-feira (12) ao programa Correio Debate, da Rádio 98/FM (Rede Correio Sat), Cícero Lucena afirmou com convicção: "Se Cássio for à convenção com esta proposta terá um opositor, que serei eu".

Durante a entrevista, o senador tucano e ex-prefeito de João Pessoa enfatizou que, mesmo após Cássio dizer que assumiu publicamente a defesa da pré-candidatura de Ricardo Coutinho, continua pré-candidato ao Governo da Paraíba pelo PSDB.

Cícero Lucena fez uma retrospectiva dos fatos que pautaram as discussões no PSDB paraibano sobre eleições 2010. Afirmou que em reunião com as lideranças nacionais do partido, em Natal (RN), já teria dito que temia que houvesse uma "sacanagem" nesse processo, capaz de atropelar a unidade partidária.

Acrescentou que na reunião com José Serra, Sérgio Guerra, Aércio Neves, os três garantiram que a decisão a ser tomada pela Direção Estadual do partido na Paraíba não seria atropelada pelo Diretório Nacional tucano.

A preocupação do ex-governador Cássio Cunha Lima (PSDB), àquela época, segundo o relato de Cícero ao Correio Debate, era que o PMDB conseguisse um acordo em que os tucanos viessem a apoiar o governador José Maranhão.


Wellington Farias do Portal Correio

Cozete: 'Cássio é um cordeiro para fazer a aliança; depois, se transforma em lobo'

“Cássio é um cordeiro na hora de fazer a aliança, mas depois se transforma em lobo”. Foi com esse alerta que a ex-prefeita de Campina Grande, Cozete Barbosa, externou sua opinião sobre a postura de Cássio em relação a Cícero e sobre sua adesão à candidatura de Ricardo Coutinho (PSB) ao governo do Estado.


Segundo Cozete, que sempre se colocou como “vítima” de traição praticada por Cássio (à época das disputas à prefeitura de Campina Grande), o prefeito de João Pessoa deve tomar cuidado, pois enfrentará problemas ao fazer acordos com o tucano.

“Apesar de Ricardo ser uma pessoa inteligente, não resta nenhuma dúvida de que Cássio não será correto com ele”, ressaltou.

A ex-prefeita campinense ainda classificou Cássio como um “sedutor” na hora de buscar um apoio, mas que depois rasga as alianças e não cumpre as promessas e os compromissos firmados. “Faz a cooptação e depois tenta destruir”, disse.

Cozete Barbosa acredita que a estratégia de Cássio em buscar composição de chapa com Ricardo Coutinho é apenas para se fortalecer na política.

Ao fim da entrevista, a ex-prefeita ainda fez questão de atacar Cássio Cunha Lima o chamando de “vingativo” e “desonesto”.

Do MaisPB

Cícero descarta a possibilidade de apoiar Ricardo em qualquer circunstância

Em entrevista que concedeu no início da tarde ao Portal Correio, o senador Cícero Lucena, presidente estadual do PSDB na Paraíba e pré-candidato ao Governo do Estado, deixou claro que não há a mínima possibilidade de apoiar uma candidatura de Ricardo Coutinho (PSB) ao Governo do Estado.

Cícero Lucena foi perguntado se, considerando que na política da Paraíba em termos de alianças e apoios tudo tem sido possível, se existiria a mínima possibilidade de ele vir a oferecer apoio a Ricardo Coutinho. Sizudo, Cícero disse que a possibilidade de apoiar Ricardo Coutinho é a mesma deste apoiar a sua candidatura. "Pergunte a ele se ele me apóia", afirmou.

Principal adversário do prefeito de João Pessoa, o senador alertou para o fato de que Ricardo Coutinho, prefeito de João Pessao, tem construido a sua plataforma de candidatura a governador com o discurso de que precisa reconstruir a Paraíba.

Para Cícero Lucena, a declaração de Ricardo deixa claro que ele considera que as administrações de Ronaldo, Cássio e o próprio Cícero, destruiram o Estado. "Ora, quantos anos estivemos no Governo, nos últimos tempos?".

Para Cícero Lucena, o discurso de Ricardo avalia as administrações dos ex-governadores do grupo aliado aos tucanos como um desastre para o Estado da Paraíba.


Wellington Farias  do Portal Correio

Cássio: candidatura de Cícero serve a Maranhão e para dividir oposições

O ex-governador Cássio Cunha Lima (PSDB) disse nesta terça (12) à Rádio Panorâmica FM, de Campina Grande, que a candidatura do senador Cícero Lucena (PSDB) serve para dividir as oposições e atende ao interesse do governador José Maranhão (PMDB).


Cássio disse ainda que pesou muito em sua decisão de apoiar a candidatura de Ricardo Coutinho (PSB) a preocupação com o possível isolamento do PSDB no Estado, a partir das eleições proporcionais, das quais o partido sairá enfraquecido, prevê, se não fizer aliança com o prefeito da Capital.

Ele se disse convencido de que uma candidatura única das oposições para resolver a disputa já no primeiro turno é o melhor para a Paraíba e lembrou que Cícero tem mais quatro anos de mandato e precisa, portanto, ter gestos de desprendimento porque o momento assim exige.


Caaporã: Contas bloqueadas pelo TCE

Apesar de não ter sido a única prefeitura no Estado a ter as contas bloqueadas pelo TCE-PB, a Prefeitura Municipal de Caaporã não ficou isenta de comentários e discussões por parte da população em relação ao fato. Desde o início de 2009, são muitos os problemas enfrentados pelo município, que já amarga sucessivas derrotas nas sessões do Tribunal de Contas do Estado.
Desde 2004, a prefeitura não recebe um parecer favorável pela aprovação de suas contas. As de 2004, último ano da gestão de João Batista Soares,  recentemente voltou ao crivo da Câmara Municipal, onde foi aprovada pela mesa diretora da casa. As de 2005 e 2006, da ex-prefeita Jeane Nazário já foram julgadas e reprovadas pelo Tribunal.
A insatisfação do povo se justifica pela expectativa nesta nova gestão. Projetos novos, acontecimentos em áreas de fundamental importância para o município como saúde e educação, ainda não se fazem notar e o município amarga muitas perdas de receitas, como todos os municípios do país, ainda conernente a crise mundial.
Com o bloqueio das contas, os problemas começam a surgir em avalanche. Atrasos nos pagamentos de fornecedores, pessoal, entre outras outras obrigações do município.

da Redação.

LItoral Sul: Bebê de quatro meses é vendido por R$ 150 na Paraíba

Uma criança de apenas quatro meses de idade foi vendida pela própria mãe na tarde desta terça-feira (12), em Jacumã, Litoral Sul da Paraíba.


De acordo com informações oficiais, Bárbara Maria Pessoa, de 20 anos, vendeu a criança por R$ 150 a um casal que residia no município de Alhandra.

Ainda segundo as informações, logo após a denúncia feita pela avó materna do bebê, a criança foi localizada por policiais na residência do casal com quem a mãe havia fechado negócio.


Após o resgate do criança, a mãe, Bárbara Maria Pessoa, ainda tentou retomar a posse do bebê junto à Delegacia de Polícia alegando arrependimento pelo ato. Mas, a tentativa foi frustrada e a responsabilidade sobre o menor foi passada automática e temporariamente ao Conselho Tutelar do Conde.

A mãe foi detida, vai responder processo judicial e caso seja condenada poderá ter que cumprir uma pena que varia de um a quatro anos de prisão, de acordo com o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA).

Com o indiciamento da mãe, caberá agora a Justiça definir com quem a criança vai ficar. A avó materna já informou que vai requerer a guarda legal e definitiva do bebê.

Fonte: http://www.portalcorreio.com.br/

Contas da Prefeitura de Alhandra serão examinadas nesta quarta-feira

As contas de 2006 da Companhia Estadual de Habitação Popular (Cehap) estão na pauta de julgamentos do Tribunal de Contas do Estado para esta quarta-feira (13).


Na ocasião, o TCE também examinará as contas dos prefeitos de Alhandra (Renato Mendes Leite, exercício de 2007) e de Vieirópolis (Marcos Pereira de Oliveira – 2008).

Também, as das Câmaras de Vereadores de São José do Bonfim, São José dos Cordeiros (ambas do exercício de 2007) e Quixaba (2007 e 2008). O Instituto de Previdência e Assistência do Município de Jacaraú terá o exame das contas de 2006.

As sessões ordinárias do TCE ocorrem sempre às quartas-feiras, a partir das 9 horas, com acesso permitido ao público e transmissão ao vivo pela internet no endereço eletrônico http://www.tce.pb.gov.br/.

ASCOM/TCE

segunda-feira, 11 de janeiro de 2010

Aliança de Cássio a Ricardo recebe o apoio dos principais líderes do PSDB

Phelipe Caldas


No dia em que Cássio Cunha Lima (PSDB) anuncia sua intenção de fazer uma prévia no PSDB para decidir se o partido vai lançar a candidatura própria do senador Cícero Lucena (PSDB) ou se vai apoiar a candidatura de Ricardo Coutinho (PSB) ao Governo da Paraíba, o ex-governador (que apoia a segunda tese) já dá mostras de que tem o apoio das principais lideranças do partido.

A novidade sobre a realização de prévias no PSDB paraibano foi anunciada nesta segunda-feira (11), em entrevista exclusiva à Rede Paraíba Sat. E tão logo Cássio oficializou sua intenção, uma série de políticos tucanos telefonaram para a emissora e participaram ao vivo do programa, publicizando seus respectivos apoios à aliança com o prefeito pessoense.

O primeiro a participar do programa de rádio foi o deputado federal Rômulo Gouveia (PSDB), que se disse solidário com o ex-governador e lamentou a insistência de Cícero Lucena em manter a sua candidatura ao Governo do Estado.

Já o presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba, deputado estadual Arthur Cunha Lima (PSDB), lembrou da insatisfação da bancada tucana na AL, que segundo ele culpava a "teimosia" de Cícero pelo “isolamento” em que o partido se encontrava.

Outros nomes que telefonaram para se solidarizar com o ex-governador Cássio Cunha Lima e para apoiar a tese de apoio ao prefeito Ricardo Coutinho foram o prefeito de Picuí e presidente da Famup, Rubens Buba Germano, e o deputado estadual Romero Rodrigues (ambos do PSDB).

Até o senador Efraim Morais, que é presidente estadual dos Democratas, também ligou e se disse feliz com a “unidade das oposição”, já que o próprio DEM também já anunciou apoio a Ricardo. Cássio ainda estava acompanhado do ex-deputado federal e vice-prefeito de Bayeux, Domiciano Cabral (outro do PSDB), e disse na entrevista que ao longo do programa recebeu mensagem de apoio do deputado estadual Manoel Ludgério (PDT).

Fonte: http://www.paraiba1.com.br/

Maranhão diz que união entre Ricardo Coutinho e Cássio é esdrúxula

Phelipe Caldas


O governador José Maranhão (PMDB) aproveitou sua passagem por Cajazeiras para na noite desta quinta-feira (7) fazer novas críticas ao prefeito pessoense Ricardo Coutinho e a sua aliança com o ex-governador Cássio Cunha Lima (PSDB). As críticas foram duras e repercutiram na tarde desta sexta-feira (8) na Rede Paraíba Sat.

“Esta é uma união esdrúxula que fere os princípios da ética e da coerência política. Estes são valores que foram jogados pela janela”, declarou o governador peemedebista.

Maranhão, no entanto, disse em tom de ironia que “cada um faz o que quer”. Ele ponderou, contudo, que o povo vai saber dar uma resposta a um político que “saiu da esquerda para se unir a antigos adversários de direito”.

O governador aproveitou a oportunidade para dizer que a tendência do PMDB é construir uma coalizão de partidos aliados que formem uma composição ampla para a chapa majoritária nas eleições de 2010.

A declaração foi em discordância a comentários do deputado federal Wilson Santiago (PMDB), que em entrevistas passadas defendeu uma chapa “puro sangue” do partido em 2010. “Acho que o parlamentar é mais otimista do que eu, porque sinceramente não acho que isto seja possível”, concluiu.

Fonte: http://www.paraiba1.com.br/

Cássio anuncia aliança com Ricardo e prévias com Cícero

Phelipe Caldas





O ex-governador Cássio Cunha Lima (PSDB) declarou na tarde desta segunda-feira (11), em entrevista à Rede Paraíba Sat, que a partir de hoje passa a apoiar publicamente à candidatura do prefeito pessoense Ricardo Coutinho (PSB) ao Governo da Paraíba. Ele disse que defende esta tese em nome da “unidade das oposições” e que, como não conseguiu convencer o senador Cícero Lucena (presidente estadual do PSDB) a desistir de sua própria candidatura, vai “convocar o partido e suas instâncias de deliberação para escolher de forma livre e democrática qual das duas teses deve prevalecer”.

O papel do PSDB nas eleições de 2010, portanto, deve ser definido numa prévia, em que os filiados do tucanato paraibano vão escolher entre as duas teses majoritárias, ambas classificadas por Cássio como “legítimas e naturais”: Ou a candidatura própria do senador Cícero Lucena ou a aliança do partido com o PSB do prefeito Ricardo Coutinho. “Todo partido político é um colegiado. E se não existe consenso, este deve ser convocado para tomar uma decisão definitiva”, destacou, admitindo que pela primeira vez ele e Cícero se deparam com um “desalinhamento de pontos de vistas”.

Cássio já antecipa seu voto e diz que vai trabalhar pela aliança com Ricardo. “Precisamos já no primeiro turno ter uma oposição unida e coesa, para que assim consigamos derrotar um governo ilegítimo que não recebeu o aval do povo”, declarou o ex-governador.




Ele diz que política se faz “com alianças e com somas de esforços” e que nela não devem prevalecer projetos pessoais, mas sim projetos coletivos que visem o bem do povo e tragam mais esperança à população da Paraíba.


O ex-governador explicou ainda que antes de fazer este anúncio realizou várias reuniões com a cúpula nacional do PSDB. Eles teriam lhe autorizado a conversar em nome do PSDB com outros partidos e desmentido a história de que havia uma exigência para que os tucanos lançassem candidaturas próprias nos estados.

“Ceará e Pernambuco, que são respectivamente as terras do ex-presidente tucano Tasso Jereissati e do atual presidente Sérgio Guerra, não devem ter candidaturas próprias do PSDB. Por que na Paraíba haveria uma exigência destas?”, questionou.

Por fim, ele disse também que a “verticalização” acabou no Brasil e que as alianças na Paraíba não têm que necessariamente ser iguais às alianças em nível nacional. Desta forma, Cássio explica que vota em José Serra (PSDB) para presidente da república, mas que isto não quer dizer que Ricardo vote também no tucano. “O PSB está livre para fazer suas próprias deliberações e definir em quem vai votar no âmbito federal. Não podemos confundir as duas eleições”, concluiu.

Prefeitura de Caaporã tem contas bloqueadas por erro em folha de pagamento

Erros em folha de pessoal leva TCE a bloquear contas de 48 prefeituras e 11 Câmaras

Folhas de pessoal com divergências entre os valores empenhados e informados levaram o Tribunal de Contas do Estado a determinar o bloqueio das contas bancárias de 48 Prefeituras e 11 Câmaras de Vereadores. “Sabemos o quanto isso pode afetar as administrações públicas, suas realizações, seus fornecedores e o cidadão comum, de vez que impede, inclusive, o pagamento de salários, mas não podemos deixar de tomar a providência a que a lei nos obriga”, lamentou, nesta segunda-feira (11), o presidente do TCE, conselheiro Nominando Diniz. Segundo ele, ninguém foi pego e surpresa. “Todos, sem exceção, foram previamente notificados de cada problema e receberam prazo para a solução necessária”.


Ao cabo de reunião, pela manhã, com auditores do TCE, o presidente Nominando Diniz ainda resolveu notificar outras 165 Prefeituras e 105 Câmaras acerca de inconsistências de menor monta nas folhas salariais. Como, nesses casos, é pequena a diferença entre o valor empenhado e o informado ou, além disso, como há o aprimoramento ininterrupto das informações, o Tribunal não optou pelo bloqueio. Nos casos de maior gravidade, o desbloqueio somente ocorrerá com a solução de cada problema.

“Não bloqueamos quando percebemos o esforço para o aperfeiçoamento dos demonstrativos contábeis, ou quando as divergências são inferiores a 10% dos valores. Mas tais administrações estão sob vigilância e devem, igualmente, solucionar essas questões antes da entrega das contas de 2009, com prazo até março”, disse o conselheiro Nominando Diniz. Também não houve o bloqueio das contas de Nova Olinda, onde o quadro é problemático, mas onde ocorreu nova eleição para a Prefeitura no final do ano passado. As de Bom Jesus já estavam bloqueadas.

As folhas até aqui examinadas correspondem ao período de janeiro a novembro de 2009, pois as de dezembro têm prazo de entrega até o final deste mês. Nove Prefeituras e 105 Câmaras encaminharam ao TCE informações e valores empenhados a título de pagamento salarial absolutamente compatíveis em 100% dos casos.

QUADRO 1

Relação das 48 Prefeituras e 11 Câmaras Municipais com bloqueio de contas bancárias:

Prefeituras: Aguiar, Assunção, Barra de São Miguel, Belém do Brejo do Cruz, Bom Jesus, Caaporã, Cacimba de Areia, Caiçara, Cajazeiras, Cajazeirinhas, Caldas Brandão, Campo de Santana, Carrapateira, Catingueira, Conde, Coremas,

Cuité de Mamanguape, Diamante, Gado Bravo, Juazeirinho, Juru, Lagoa Seca, Mãe dÁgua, Malta, Mamanguape, Massaranduba, Nova Palmeira, Pedra Lavrada, Pilar, Pilões, Quixabá, Riachão do Bacamarte, Riacho dos Cavalos, Salgadinho, Salgado de São Félix, Santa Cecília, Santa Inês, Santa Rita, Santo André, São Bentinho, São José de Espinharas, São José dos Ramos, Serra da Raiz, Serra Grande, Serra Redonda, Tavares, Teixeira, Uiraúna.

Câmaras: Araruna, Baía da Traição, Bayeux, Catingueira, Curral de Cima, Emas, Igaracy, Livramento, Monte Horebe, Nova Floresta, Riachão.

QUADRO 2

Nove Prefeituras e 105 Câmaras apresentaram informações da folha e da contabilidade 100% compatíveis.

Prefeituras: Bom Sucesso, Brejo dos Santos, Jericó, Parari, Poço de José de Moura, Santarém, Solânea, Vieirópolis, Vista Serrana.

Câmaras: Aguiar, Alagoa Grande, Alagoinha, Alcantil, Algodão de Jandaíra, Aparecida, Arara, Areia de Baraúnas, Areial, Bananeiras, Baraúna, Barra de Santana, Barra de São Miguel, Bernardino Batista, Boa Ventura, Boa Vista, Boqueirão, Borborema, Brejo dos Santos, Cabaceiras, Caiçara, Cajazeiras, Cajazeirinhas, Caldas Brandão, Campina Grande, Casserengue, Caturité, Condado, Congo, Cuitegi, Curral Velho, Diamante, Duas Estradas, Esperança, Frei Martinho, Gurinhém, Gurjão, Ibiara,Itapororoca, Itatuba, Jericó, Juarez Távora, Juazeirinho, Juripiranga, Juru, Lastro, Lucena, Mãe dÁgua, Malta, Manaíra, Marizópolis, Matinhas, Montadas, Mulungu, Natuba, Nazarezinho, Nova Palmeira, Olho dÁgua, Olivedos, Passagem, Pedra Branca, Pedra Lavrada, Pedras de Fogo, Pedro Régis, Piancó, Picuí, Pilõezinhos, Pirpirituba, Pitimbu, Pocinhos, Poço Dantas, Prata, Princesa Isabel, Queimadas, Quixabá, Salgado de São Félix, Santa Cecília, Santa Cruz, Santa Luzia, Santa Rita, Santo André, São Bento, São Domingos do Cariri, São Francisco, São João do Tigre, São José da Lagoa Tapada, São José de Caiana, São José de Princesa, São José do Bonfim, São José do Sabugi, São José dos Cordeiros, São José dos Ramos, São Mamede, São Vicente do Seridó, Sapé, Serra da Raiz, Serra Grande, Serraria, Solânea, Soledade, Sousa, Sumé, Triunfo, Vieirópolis, Zabelê.

QUADRO 3

Relação das 165 Prefeituras e 105 Câmaras Municipais notificadas para justificar e corrigir inconsistências que não ensejaram bloqueio por representarem menos de 10% do valor empenhado, ou indicado na informação ao TCE.

Prefeituras: Água Branca, Alagoa Grande, Alagoa Nova, Alagoinha, Alcantil, Algodão de Jandaíra, Alhandra, Amparo, Aparecida, Araçagi, Arara, Araruna, Areia, Areia de Baraúnas, Areial, Aroeiras, Baía da Traição, Bananeiras, Baraúna, Barra de Santa Rosa, Barra de Santana, Bayeux, Belém, Bernardino Batista, Boa Ventura, Boa Vista, Bonito de Santa Fé, Boqueirão, Borborema, Brejo do Cruz, Cabaceiras, Cabedelo, Cachoeira dos Índios, Cacimba de Dentro, Cacimbas, Camalaú, Campina Grande, Capim, Caraúbas, Casserengue, Catolé do Rocha, Caturité, Conceição, Condado, Congo, Coxixola, Cruz do Espírito Santo, Cubati, Cuité, Cuitegi, Curral de Cima, Curral Velho, Damião, Desterro, Dona Inês, Duas Estradas, Emas, Esperança, Fagundes, Frei Martinho, Guarabira, Gurinhém, Gurjão, Ibiara, Igaracy, Imaculada, Ingá, Itabaiana, Itaporanga, Itapororoca, Itatuba,Jacaraú,João Pessoa, Juarez Távora, Junco do Seridó, Juripiranga, Lagoa, Lagoa de Dentro, Lastro, Livramento, Logradouro, Lucena, Manaíra, Marcação, Mari, Marizópolis, Mataraca, Matinhas, Mato Grosso, Maturéia, Mogeiro, Montadas, Monte Horebe, Monteiro, Mulungu, Natuba, Nazarezinho, Nova Floresta, Olho dÁgua, Olivedos, Ouro Velho, Passagem, Patos, Paulista, Pedra Branca, Pedras de Fogo, Pedro Régis, Piancó, Picuí, Pilõezinhos, Pirpirituba, Pitimbu, Pocinhos, Poço Dantas, Pombal, Prata, Princesa Isabel, Puxinanã, Queimadas, Remígio, Riachão, Riachão do Poço, Riacho de Santo Antônio, Rio Tinto, Santa Cruz, Santa Helena, Santa Luzia, Santa Teresinha, Santana de Mangueira, Santana dos Garrotes, São Bento, São Domingos, São Domingos do Cariri, São Francisco, São João do Cariri, São João do Rio do Peixe, São João do Tigre, São José da LagoaTapada, São José de Caiana, São José de Piranhas, São José de Princesa, São José do Bonfim, São José do Brejo do Cruz, São José do Sabugi, São José dos Cordeiros, São Mamede, São Miguel de Taipu, São Sebastião de Lagoa de Roça, São Sebastião do Umbuzeiro, São Vicente do Seridó, Sapé, Serra Branca, Serraria, Sertãozinho, Sobrado, Soledade, Sossêgo, Sousa, Sumé, Taperoá, Tenório, Triunfo, Umbuzeiro, Várzea, Zabelê.

Câmaras: Água Branca, Alagoa Nova, Alhandra, Amparo, Araçagi, Areia, Aroeiras, Assunção, Barra de Santa Rosa, Belém, Belém do Brejo do Cruz, Bom Jesus, Bom Sucesso, Bonito de Santa Fé, Brejo do Cruz, Caaporã, Cabedelo, Cachoeira dos Índios, Cacimba de Dentro, Cacimbas, Camalaú, Campo de Santana, Capim, Caraúbas, Carrapateira, Catolé do Rocha, Conceição, Conde, Coremas, Coxixola, Cruz do Espírito Santo, Cubati, Cuité, Cuité de Mamanguape, Damião, Desterro, Dona Inês, Fagundes, Gado Bravo, Guarabira, Imaculada, Ingá, Itabaiana, Itaporanga, Jacaraú, João Pessoa, Junco do Seridó, Lagoa, Lagoa de Dentro, Lagoa Seca, Logradouro, Mamanguape, Marcação, Mari, Massaranduba, Mataraca, Maturéia, Mogeiro, Monteiro, Nova Olinda, Ouro Velho, Parari, Patos, Paulista, Pilar, Pilões, Poço de José de Moura, Pombal, Puxinanã, Remígio, Riachão do Bacamarte, Riachão do Poço, Riacho de Santo Antônio, Riacho dos Cavalos, Rio Tinto, Salgadinho, Santa Helena, Santa Inês, Santa Teresinha, Santana de Mangueira, Santana dos Garrotes, Santarém, São Bentinho, São Domingos, São João do Cariri, São João do Rio do Peixe, São José de Espinharas, São José de Piranhas, São José do Brejo do Cruz, São Miguel de Taipu, São Sebastião de Lagoa de Roça, São Sebastião do Umbuzeiro, Serra Branca, Serra Redonda, Sertãozinho, Sobrado, Sossego, Taperoá, Tavares, Teixeira, Tenório, Uiraúna, Umbuzeiro, Várzea, Vista Serrana.

Assessoria

sábado, 9 de janeiro de 2010

Caaporã: População faz revolução digital na criação de sites e blogs

A internet chegou realmente para revolucionar tudo o que existe de conhecido no que se refere a entretenimento, conhecimento, comunicação, diversidade e globalização. Esta ferramente que antes era apenas usado para buscar informações, tem recebido uma atenção especial por uma parcela da população de Caaporã.
Ultimamente os comentários são muitos em relação aos muitos sites e blogs criados na cidade. O mais impressionante é o que mais se tem discutido neste meio virtual são os fatos políticos do município e do estado. Pioneiro neste seguimento, o CAAPORABLOG - Rainha do Litoral Sul, fez a população de certa forma refletir e polemizou durante as últimas eleições municipais. Mais aí neste seguimento vieram: Caaporaonline (http://www.caaporaonline.com/), Despertacaapora (http://www.despertacaapora.blogspot.com/). Surgiu ultimamente um blog todinho sobre as festas e eventos da região, incluindo agenda de shows das principais bandas, o Caaporamix (http://www.caaporamix.blogspot.com/). Recentemente, embalado pela conquista do brasileirão 2009 pelo Flamengo, surgiu também o blog dos flamenguistas de Caaporã O flaporã (http://www.flapora.blogspot.com/),
O que se espera agora é que os recursos da internet possam abrir o olhos dos caaporenses para levarmos a cidade a uma realidade diferente da que temos hoje.

Da redação

Mais duas pessoas são executadas; um das vítimas estava em boca de fumo

Mais duas pessoas foram executadas na região metropolitana de João Pessoa neste sábado (9). De acordo com o Centro Integrado de Operações Policiais (Ciop), os crimes aconteceram em Santa Rita e na Capital.


O primeiro homicídio teve como vítima um jovem identificado como Valter dos Santos Nascimento Júnior, de 21 anos. O rapaz foi atingido por vários disparos de arma de fogo por volta das 13h30 no bairro Alto das Populares, em Santa Rita, quando estava com dois amigos em uma boca de fumo.

Eles também foram baleados. Um dos feridos procurou um hospital do município, foi medicado e liberado. A polícia não tem informações sobre a terceira vítima. Valter morreu na hora. A Polícia Militar não informou se tem suspeitos, mas acredita que o crime esteja ligado ao tráfico de drogas.

A segunda morte aconteceu às 16h no bairro de Oitizeiro, em João Pessoa, próximo ao supermercado Bem Mais. O corpo da vítima ainda não foi identificado.

'Apagão' deixa 52 cidades da PB sem energia na próxima semana

O fornecimento de energia será prejudicado em 52 municípios da Paraíba, na próxima semana. Segundo a Energisa, empresa responsável pelo abastecimento de eletricidade no Estado, o ‘apagão’ acontecerá por causa de serviços de manutenção.


O ‘apagão’ terá início segunda-feira (11) e transcorrerá até o sábado (16). A Energisa informa que a falta de fornecimento de eletricidade acontecerá durante algumas horas, em determinadas regiões. Em João Pessoa, por exemplo, os locais atingidos serão na Zona Leste.

Em alguns municípios os blecautes acontecerão em mais de um dia.
O proprietário de açougue em Patos, Romualdo Gomes de Sá, ficou sabendo do ‘apagão’ e já está providenciando tudo para não perder as carnes do estoque.

Os municípios que serão atingidos são os seguintes:


João Pessoa

Bayeux

Sapé

Itabaiana

Sobrado

Marí

Baía da Traição

Conde

Mataraca

Gurinhém

Alhandra

Santa Rita

Pitimbú

Itapororoca

Riachão do Poço

Princesa Isabel

Coremas

Timbaúba

Santa Luzia

Patos

Pombal

São João do Rio do Peixe

Marizópolis

Cachoeira dos Índios

Boa Ventura

São José de Espinharas

Sousa

Condado

São José de Piranhas

Itaporanga

Cajazeiras

Boqueirão

Juarez Távora

Alagoa Grande

Pirpirituba

Ingá

Araçagí

Aroeiras

São José do Umbuzeiro

Monteiro

Zabelê

Natuba

Caiçara

Cabaceiras

Cuitegi

Taperoá

Livramento

Sumé

Barra de São Miguel

Itatuba

Camalaú

Pilõezinhos



Prefeituras paraibanas oferecem 609 vagas efetivas em concursos

Quatro prefeituras paraibanas estão com inscrições abertas para 609 oportunidades para preenchimento de vagas em seus quadros efetivos. Além das administrações de Cuitegi e Pitimbu, que já foram divulgadas pelo Paraiba1, as prefeituras de Juarez Távora e Aroeiras também abriram concursos. Confira abaixo mais detalhes.


Prefeitura de Juarez Távora

O poder Executivo municipal disponibiliza 110 vagas para professores, profissionais da área de saúde, limpeza urbana e técnicos. Cinco oportunidades são reservadas para portadores de deficiência. Os salários variam de R$ 465 a R$ 2 mil. As inscrições podem ser feitas até a próxima terça-feira (12), até as 16h, de acordo com o horário de Brasília.

O concurso é organizado pela Educa – Assessoria Educacional. Os interessados podem realizar suas inscrições em um ponto de atendimento montado na Câmara Municipal. Também é possível garantir a participação no certame pela internet, pelo site www.educapb.com.br. As taxas variam entre R$ 30 e R$ 60, dependendo do nível do cargo pretendido.

A previsão é de que as provas sejam aplicadas no dia 31 de janeiro na cidade de Juarez Távora, localizada a cerca de 100km de João Pessoa, no Agreste paraibano. De acordo com o calendário, a divulgação do gabarito oficial deve sair no dia 1º de fevereiro, e o resultado das provas objetivas está marcado para 12 de fevereiro.

Prefeitura de Aroeiras

A cidade, situada a 140km da Capital, também no Agreste, inscreve para 177 vagas efetivas. É possível se cadastrar no concurso até o dia 29 de janeiro. São aceitas inscrições presenciais, por procurador ou pela internet, no site www.acaplam.com.br. De acordo com a organizadora, as provas escritas serão realizadas no dia 28 de fevereiro.


Há vagas para enfermeiros, médicos, farmacêuticos, nutricionistas, e demais profissionais do setor de saúde. A prefeitura também oferece oportunidades para professores e servidores técnico-administrativos. Os salários chegam a R$ 5 mil.

do Paraíba1

Prefeitura de Santa Rita suspende concurso

A prefeitura de Santa Rita acaba de acatar recomendação do Ministério Público de Paraíba, e decidiu suspender o concurso público que seria realizado neste domingo. O MP quer agora que a Prefeitura Municipal exija da empresa que organiza o concurso público a correção das irregularidades constatadas e remarque uma nova data.


De acordo com o promotor Manoel Henrique Serejo, várias irregularidades foram identificadas no certame, inclusive que contrariam regras do próprio edital. Entre elas estão a não confirmação da inscrição, bem como a ausência de informações no site da empresa sobre o local da realização da prova dos candidatos devidamente inscritos. Além disso, não consta a assinatura do prefeito no anexo de instruções especiais, bem como no anexo do aditivo do edital.

Dentre as irregularidades detectadas pelo Ministério Público, estão a falta de alguns cargos para consulta no site da empresa organizadora do certame, inexistência da comissão especial do concurso que segundo edital n° 002/2009, que deveria estar de plantão no ginásio O Renatão para dirimir dúvidas, receber oficios e recursos dos candidatos.

Segundo o secretário de Educação do município, Luiz Vieira, “a medida foi adotada a fim de garantir que os candidatos ao concurso público não serão prejudicados pela falta de informação, ou falha de comunicação por parte da empresa responsável pelo concurso, e também para demostrar a total isonomia da adminstração pública municipal que cumpre a determinação do prefeito Marcus Odilon em fazer com que o processo seletivo seja o mais limpo e ético possivél.”

No oficio em resposta ao Ministério Público, o Secretário de Educação suspende a realização das provas e pede ao promotor da comarca de Santa Rita Dr. Manoel Henrique Cerejo, que convoque o oresponsável pelo concurso para assinar termo de ajuste de conduta, corrigir os problemas identificados e marcar nova data para realização das provas.


Comissário da Polícia de Pernambuco é assassinado em Pitimbu

Um Comissário Especial da Polícia Civil de Pernambuco foi assassinado na noite desta sexta-feira (8) em Pitimbú, município paraibano localizado no Litoral Sul do Estado da Paraíba.

De acordo com informações repassadas por policiais da 20ª Companhia de Polícia de Alhandra, o fato foi registrado por volta das 19h.

A vítima, José Edvaldo do Carmo Guimarães, tinha 61 anos, era aposentado e estava sentado no terraço de uma casa situada na Praia Azul, onde veraneava com a família, quando foi abordado por dois homens encapuzados que estavam em uma moto e anunciaram assalto.

Ainda segundo dados policiais, o comissário reagiu contra os bandidos, que chegaram a disparar dois tiros na direção dele, e acabou sendo atingido por pelo menos uma bala e morreu na hora.

A polícia realizou todos os procedimentos cabíveis e designou viaturas para realização de rondas na região.
A vítima residia na Rua Conselheiro João Alfredo, 495, em Carpina, município localizado a cerca de 60 km de Recife, e costumava frequentar a Praia Azul para veranear com família.

Do Portal Correio

quarta-feira, 6 de janeiro de 2010

Gominho e a razão do extermínio: preso que não paga droga após ser solto paga com a vida

A grande motivação dos extermínios de presidiários e albergados, na Paraíba, é a inadimplência com o narcotráfico. Somente em 2009, foram assassinados 89 presidiários ou ex-presidiários que estavam em regime semi-aberto. Uma parte, porém, decorre da disputa de concorrentes pelo comércio de drogas.


A informação é do secretário de Segurança Pública do Estado, Gustavo Gominho, com a ressalva: "Não quero dizer que todos esses crimes foram praticados por grupos de extermínio. Alguns foram guerras entre eles (traficantes)".

O secretário explicou como a coisa funciona: quem está preso consome a chamada "droga consignada", que é fornecida mediante o compromisso de o consumidor pagar depois que for posto em liberdade. Quando está solto, o devedor vai roubar e assaltar para pagar a droga consumida aos traficantes. Se não consegue pagar, vem a execução. "O preso que está dentro do presídio - que é quem fornece a droga - dá a ordem para os grupos de execução matar presidiários ou albergados que não pagam a droga.

O secretário de Segurança acrescentou que de 10% a 15% dos homicídios são praticados para eliminar a concorrência dos grupos de traficantes: "O traficante, mesmo o solto, que quer eliminar o concorrente, dá ordem ao grupo de extermínio para matar a concorrência a fim de que possam dominar o comércio em determinada localidade", acrescentou.

Informações

A Força Tarefa que desbaratou o grupo de extermínio do qual fazem parte até coronéis da Polícia Militar da Paraíba já sabe como os grupos atuam, quantos mataram, quem foi assassinado, quanto custou cada assassinato, o motivo das execuções e os respectivos mandantes.

Foi o próprio Gominho quem revelou, em entrevista concedida nesta quarta-feira ao programa Correio Debate, da Rádio 98/FM (Rede Correio Sat). A lista nominal de integrantes do grupo, que inclui até coronéis da Polícia Militar do Estado, está praticamente concluída. Se estiverem faltando cinco ou seis é muito, segundo o secretário.

Os nomes dos militares envolvidos no grupo de extermínio formado por policiais paraibanos permanecerão mantidos sob sigilo. O secretário argumentou que a divulgação de nomes prejudicará as investigações, além do fato de o inquérito correr em segredo de Justiça.

Falta robustecer as provas, inclusive com quebra de sigilo bancário, telefônico e de tele marketing para se levar ao Ministério Púbico e Justiça um inquérito bem feito, para levar esse pessoal a Julgamento.


Wellington Farias - do Portal Correio

Cássio e RC cumprem agenda em Bananeiras

O ex-governador Cássio Cunha Lima participará nesta quarta-feira em Bananeiras da Procissão de Nossa Senhora do Livramento, padroeira do município. Ele atende ao convite feito pela prefeita Marta Ramalho e participa, além da procissão, da missa que será celebrada no pátio da matriz.


Além do ex-governador Cássio Cunha Lima (PSDB), quem também já confirmou presença no evento foi o prefeito Ricardo Coutinho (PSB). Este é o primeiro encontro que os dois possíveis aliados participaram juntos.

Na sexta, 08, em Campina Grande, Cássio será o padrinho de turmas concluintes de Enfermagem da Facisa e no sábado, 09, visita o município de Pedra Lavrada, a convite do ex-prefeito Saulo Lima, onde se encontra com lideranças do Curimataú.

Neste mesmo dia ele também confirmou que irá participar das comemorações pelos 145 anos de emancipação política de Itaporanga, atendendo ao convite do prefeito Djacy Brasileiro. Já no domingo, em São Sebastião de Lagoa de Roça, ele participa das comemorações do padroeiro do município, a convite do prefeito Lúcio Flávio.


Redação do PBagora

Partidos querem espaço na TV

Quatro partidos políticos enviaram ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) pedidos para veiculação de propaganda partidária em 2011. As agremiações têm até o dia 1º de dezembro deste ano para solicitar a divulgação da propaganda em 2011. No entanto, em caso de datas coincidentes, a prioridade é para o partido que apresentou o requerimento em primeiro lugar.


Tempo

A quantidade de programas a que o partido vai ter direito em 2011 depende de seu desempenho nas próximas eleições para deputado federal, que serão realizadas em 3 de outubro.

A Lei dos Partidos políticos determina que, para ter direito à veiculação de um bloco nacional de dez minutos por semestre, o partido deve, em duas eleições consecutivas para a Câmara dos Deputados, eleger representantes em, no mínimo, cinco estados, obtendo um por cento dos votos apurados no País, não computados os brancos e os nulos.

A legenda que não atingir essa meta, mas que tenha elegido, para a Câmara dos Deputados, e mantenha filiados, no mínimo três representantes de diferentes Estados, tem direito a um programa anual de dez minutos.
Os partidos registrados no TSE que não conseguirem esta representação têm o direito de transmitir um programa de cinco minutos por semestre.

PTB

O Partido Trabalhista Brasileiro (PTB) pede a formação da cadeia nacional para o primeiro semestre em 23 de junho e para o segundo semestre em 22 de dezembro. Para as inserções nacionais, indica as seguintes datas para veiculação de 10 inserções de 30 segundos: 10 e 15 de fevereiro, 26 de maio, 16 de junho, 14 de julho, 25 de agosto, 15 de setembro e 29 de dezembro. O partido indica como geradoras dos programas em cadeias a Rede Globo de Televisão/RJ e as Organizações Globo de Rádio/RJ.

PPS

O Partido Popular Socialista (PPS) solicita autorização para propaganda partidária no dia 23 de junho e 22 de setembro. Indica, para as inserções nacionais os dias 9, 14, 16 e 21 de junho e 8, 13, 15 e 20 de setembro. Como geradoras, indica para os programas em cadeia a TV Globo/RJ e a rádio CBN FM/RJ.

PSOL

O Partido Socialismo e Liberdade (PSOL) pede formação de cadeia para o dia 26 de maio ou, alternativamente, 5 de maio ou 28 de abril. Caso o partido tenha o direito à veiculação de dois blocos nacionais ao ano, a partir do resultado das eleições gerais de 2010, solicita a formação de cadeia para 26 de maio e 15 de dezembro. Indica como geradoras a Rede Globo de Televisão/RJ e o Sistema Globo de Rádio/RJ.

DEM

O Democratas (DEM) pede formação de cadeia para os dias 29 de junho e 23 de dezembro e indica as seguintes datas para veiculação de dez inserções de 30 segundos: 15, 17, 22 e 24 de junho e 7, 9, 14 e 16 de dezembro. Indica como geradoras em cadeia a Empresa Brasileira de Comunicação (EBC) - TV Nacional/DF e a Rádio Nacional de Brasília/DF.

TSE

Santiago reafirma disputa ao Senado e diz que chapa terá três integrantes do PMDB da Paraíba


Com 90% de certeza, Wilson Santiago reafirma candidatura ao Senado e diz que chapa de Maranhão terá três integrantes do PMDB


Atribuindo um percentual de 90% de certeza, o deputado federal Wilson Santiago (PMDB) reafirmou na tarde desta quarta-feira (06) que entrará na disputa por uma das vagas ao Senado Federal no próximo pleito. Santiago será um dos candidatos que irá compor a chapa do governador José Maranhão, que volta a disputar a reeleição estadual.

De acordo com o parlamentar, a chapa do governador José Maranhão será composta por três integrantes do PMDB, pois além do seu nome e do nome do governador José Maranhão, a chapa ainda será composta por um terceiro componente do grupo e mais um integrante do PT.
Santiago explica que a polarização dos dois partidos encabeçando a majoritária não é regra e que o partido está aberto para analisar outras possíveis composições para o próximo pleito.

Segundo o parlamentar, o que acontece, é que a grande maioria dos aliados não quer participar da majoritária, preferindo participar da disputa a cargos proporcionais.

“Isso não impede a participação de outras siglas na majoritária, pois se qualquer um desses partidos mostrarem viabilidade, com certeza será analisada, as propostas e os candidatos que apresentarem sugestões”, explicou

Assim como Ney Suassuna (PP), que afirmou que a prioridade era a candidatura de Ricardo Coutinho (PSB), Santiago também defendeu a priorização da candidatura a reeleição do governador José Maranhão.

“Nós vamos construir a conjectura para disputar o senado, mas queremos antes de tudo ajudar na reeleição de José Maranhão, e é isso que iremos priorizar”, destacou.


PB Agora

Exclusão do DEM da chapa proporcional das oposições ameaça apoio do partido a RC

A aliança do DEM com o PSB em nome da candidatura ao governo do prefeito Ricardo Coutinho corre riscos de ruir. A tese foi levantada nesta quarta-feira (6) pelo deputado estadual Francisco de Assis Quintans (DEM), em entrevista exclusiva ao Blog. A razão é que previmos ontem: o DEM não aceita ficar de fora da composição da chapa proporcional para as eleições de 2010. “Se os Democratas não são úteis em nível proporcional, também não são úteis em nível majoritário”, disparou o deputado. Segundo ele, o DEM não pode aceitar a exclusão prévia que vem sendo articulada por partidos como o PTB, o PPS, o PP e parte do PSB. “Se a gente serve para a majoritária, também serve para a proporcional. Ou será que não estamos construindo uma frente de oposição para enfrentar nosso adversário maior”, questionou Quintans. Autor de um documento enviado à direção do DEM, Quintans está sugerindo uma reunião entre os presidentes de todos os partidos da oposição, especialmente com o prefeito Ricardo Coutinho, para que o assunto seja discutido às claras. “Ninguém pode ser escanteado do jogo antes do jogo começar”, assegurou.



Do Blog de Luís Tôrres

TCE aprova contas de três Câmaras

O Tribunal de Contas do Estado, em sessão plenária que durou menos de 50 minutos e foi a primeira de 2010, aprovou as prestações de contas das Câmaras Municipais de São Mamede (exercício de 2008), Mãe D´água e Patos (ambas de 2007), conforme voto do relator Fábio Nogueira e o parecer do Ministério Público representado pelo procurador geral Marcílio Toscano Franca Filho.


Por telefone, o vereador Ivanes Lacerda pediu que o TCE adiasse o julgamento das contas de 2007 da Câmara de Patos, assinadas pelo então presidente Marcos Eduardo dos Santos, a quem pretende denunciar por prática de irregularidades.

Consultado pelo relator, o TCE, porém, decidiu julgar o processo que fora devidamente instruído e encerrado sem mais reparo, até o momento, apesar de transcorrido todo esse tempo. “Além do mais, as denúncias do gênero, feitas por quem quer que seja, podem ser encaminhadas a qualquer momento que terão a pronta averiguação do Tribunal”, observou o presidente da Corte, conselheiro Nominando Diniz.

O início dos períodos de férias dos relatores Arnóbio Viana e Flávio Sátiro motivou o adiamento do exame das contas da Empresa Municipal de Urbanização da Borborema, da Secretaria do Planejamento e Gestão de Campina Grande, da Agência de Regulação do Estado, de pedidos de parcelamento de multas e dos recursos constantes da pauta desta quarta-feira.

Assessoria

terça-feira, 5 de janeiro de 2010

Parlamento Metropolitano reinicia atividades com grande encontro de legisladores após o carnaval, em João Pessoa

Está marcado para logo após as festividades carnavalescas, um grande encontro do Parlamento Metropolitano de João Pessoa (Palacrem) a ser realizado na cidade de João Pessoa. A informação é do presidente do Palacrem, vereador Tavinho Santos (PTB).O Parlacrem é composto por parlamentares representantes dos municípios de João Pessoa, Bayeux, Santa Rita, Cabedelo, Conde, Cruz do Espírito Santo, Lucena, Mamanguape, Rio Tinto, Alhandra e Pitimbú. A cidade de Caaporã não conta com representante.(grifo nosso)


O encontro deverá contar com a presença de pelo menos 120 parlamentares de onze municípios paraibanos que juntos vão discutir a reforma política, além de um projeto sustentável da região metropolitana.

Conforme o vereador, a criação do parlamento metropolitano já serve de exemplo para outras capitais do país e para cidades da Paraíba.

Para Tavinho, uma das pautas prioritárias do Parlacrem deve ser a segurança pública. Segundo ele, 80% dos casos de violência que acontecem no Estado estão concentrados na Região Metropolitana, portanto, os municípios devem se unir para combatê-la. “Segurança não é apenas uma questão de repressão da violência, passa pela iluminação pública, pela garantia de espaços de lazer, entre outras coisas. Precisamos pensar em políticas públicas que garantam a segurança nos municípios”, defendeu.

Fonte:PBagora

prefeituras e três câmaras ficam sem repassar relatórios para o TCE

Seis prefeituras paraibanas – Areia, Caaporã, Campo de Santana, Catingueira, Olho D’Água e Riacho dos Cavalos – e três câmaras municipais – Curral de Cima, Santa Inês e São José de Caiana – têm até a próxima sexta-feira, dia 8, para enviar as informações sobre folha de pessoal ao Tribunal de Contas do Estado da Paraíba (TCE), conforme relação divulgada ontem pelo TCE. Os gestores deveriam ter encaminhado os balancetes de novembro até o final de dezembro, mas alguns deles se atrasaram.


O presidente Nominando Diniz informou que o Tribunal estará durante toda esta semana à disposição dos gestores para tirar dúvidas e orientá-los em relação às correções de eventuais inconsistências e alertou que, caso os gestores não encaminhem as informações até o encerramento do prazo, terão as contas bancárias bloqueadas.

Além disso, o TCE iniciará uma fiscalização in loco que repercutirá na análise das prestações de contas e outras penalidades previstas em lei, que dependerão da análise específica feita pela auditoria. Segundo Nominando, geralmente em torno de cinco municípios, em média, atrasam o envio desses balancetes.

A Prefeitura de João Pessoa também atrasou o envio das informações sobre folha de pessoal em virtude de um problema na transmissão dos dados, mas o secretário de Administração, Gilberto Carneiro, reuniu-se, ontem, com o presidente do TCE, conselheiro Nominando Diniz, e a equipe técnica do Tribunal, para tirar dúvidas, e comprometeu-se a fazer o envio dos dados.

“Como a Prefeitura de João Pessoa já esteve aqui para regularizar a situação, creio que até esta terça (hoje) estará resolvido”, disse Diniz. De acordo com o secretário Gilberto Carneiro, a dificuldade para encaminhar informações se deveu a uma incompatibilidade de linguagem entre os sistemas do Tribunal e da Prefeitura.

“Essas informações sempre foram repassadas mês a mês no balancete encaminhado ao TCE, através da contabilidade. Uma resolução do tribunal, contudo, estabeleceu que as informações da folha devem vir separadas da contabilidade e o novo formato gerado tem uma incompatibilidade com o nosso sistema”, explicou Gilberto Carneiro.

Campina Grande, que também havia atrasado o envio das informações ao TCE, já normalizou a situação, embora ainda precisem fazer algumas correções até o final da semana.

Após o encerramento do prazo, na sexta-feira, 8, a partir de segunda-feira, dia 11, o TCE publicará o terceiro e último relatório sobre a folha de pessoal. O segundo foi publicado em setembro de 2009.

Fonte:

PBagora

VISITANTES

busca no blog